Na cidade

Estes são os bairros mais caros de Lisboa — uma casa custa, em média, 900 mil euros

Príncipe Real, Bairro Alto, Graça, Alfama, Avenidas Novas são algumas das preferências dos que se dedicam ao imobiliário de luxo.
O Chiado é o sítio mais caro para se viver na capital.

Quem vive ou planeia viver em Lisboa sabe quão caro um simples T0 pode ser. A agência imobiliária Engel & Völkers revelou quais os bairros mais caros na capital do País e revela que, num deles os preços médios chegam quase a um milhão de euros. Na lista foram também revelados os bairros mais procurados para se viver, dentro deste segmento do mercado de luxo.

Em primeiro lugar da lista dos bairros mais caros encontra-se o Chiado, onde, segundo a agência, um metro quadrado chega a custar dez mil euros, sendo também um dos mais procurados por quem gosta de habitação de luxo.

O segundo bairro mais caro da capital é o bairro de Santo António, onde um metro quadrado vale 5.395 euros (quase metade do valor do Chiado). Segue-se Misericórdia (5.058 euros por metro quadrado) e Estrela (4.347 euros por metro quadrado). O preço médio dos imóveis nos bairros mais caros de Lisboa é de 900 mil euros.

Os dados da Engel & Völkers revelaram também os bairros mais procurados neste segmento. Além do Chiado, os locais mais desejados para se viver ou para investir são o Príncipe Real, Bairro Alto, Graça, Alfama, Avenidas Novas, Belém, Parque das Nações e Estrela. Nestes locais, e pela capital inteira, os apartamentos T2 são os mais procurados, havendo preferência também por imóveis com garagem, elevador e acesso a espaços verdes, este último aspeto sobretudo desde a pandemia.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT