Viagens

Foi descoberto um coral com 500 metros na Austrália

Os responsáveis acreditam que há ainda muitas espécies e corais desconhecidos no mundo marinho à espera de serem descobertas.
É um dos lugares mais bonitos.

Um grupo de cientistas descobriu um coral com 500 metros de altura na Grande Barreira de Corais, ao largo da costa nordeste da Austrália. Esta descoberta é a primeira do género em mais de 120 anos, de acordo com um comunicado divulgado pela Universidade James Cook, que participou na expedição. 

“A base deste coral em forma de lâmina de barbear tem uma milha de largura. Eleva-se a 500 metros e a sua profundidade mais baixa é de 40 metros abaixo da superfície”, afirmou Tom Bridge, o principal investigador da expedição científica a bordo do navio Falkor.

Com a nova descoberta, já são oito os corais de grande altitude que “foram detetados” na área, acrescentou o responsável. Esta coleção inclui Raine Island, um coral gigante a cerca de 620 quilómetros da costa da cidade australiana de Carins, e que é uma das zonas mais importantes de tartarugas verdes do planeta. 

Por sua vez, Rob Beamn, da Universidade James Cook, revelou que a descoberta foi surpreendente e que pôde utilizar um robô para gravar e transmitir ao vivo a descoberta. “É espantoso poder produzir um mapa tridimensional detalhado do local e fazer esta descoberta com o SuBastian”, apontou o investigador. Os responsáveis estão numa expedição de 12 meses na Austrália, mais concretamente na Grande Barreira de Coral, e vão continuar a investigar até meio de novembro. 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

Novos talentos

AGENDA NiT