Miúdos

Não precisa ser um rei mago para seguir as estrelas: basta acompanhar este telescópio

A Ciência Viva convida-o a celebrar o Dia de Reis através de uma sessão especial dedicada ao Telescópio Espacial James Webb.
O telescópio viajará durante cerca de 30 dias. Foto: Facebook NASA's James Webb Space Telescope.

Nesta quinta-feira, 6 de janeiro, data em que se assinala o encontro de Melchior, Gaspar e Baltazar com o menino Jesus, após serem guiados por um destes corpos celestes, há uma conversa online com investigadores portugueses sobre o Telescópio Espacial James Webb.

O lançamento do “maior e mais poderoso telescópio espacial alguma vez construído” aconteceu na véspera de Natal, a 24 de dezembro. O encontro virtual pretende revisitar os melhores momentos do lançamento do instrumento cuja “construção foi um enorme desafio de engenharia devido às suas dimensões e às temperaturas extremas a que ficará sujeito”, explicam no site do ESERO Portugal, responsável pela iniciativa junto com o programa Ciência Viva.

Catarina Alves de Oliveira, da Agência Espacial Europeia (ESA); Elisabete da Cunha, da Australian National University (Camberra); Rui Agostinho, da Universidade de Lisboa; Nuno Santos, do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço da Universidade do Porto; Ricardo Conde; e Cláudio Melo, da Agência Espacial Portuguesa, são os especialistas que vão participar desta conversa, que acontece ao mesmo tempo que vemos o instrumento a alinhar-se com o Sol e a Terra, a 1.5 milhões de quilómetros do nosso planeta.

O Telescópio Espacial James Webb, resultado da colaboração da NASA, da ESA e da Agência Espacial Canadiana, “vai complementar o Telescópio Espacial Hubble com imagens na gama do infravermelho, que nos permitirão explorar melhor o Universo e as suas origens, a formação das primeiras galáxias e procurar novos planetas fora do Sistema Solar”, explicam.

As primeiras imagens do telescópio devem chegar à Terra em julho. Até lá, pode acompanhar o seu percurso em tempo real.

Para assistir à iniciativa não precisa de incenso, mirra nem ouro. Basta entrar no canal de YouTube do Pavilhão do Conhecimento, entre as 18h00 e as 20h00. Ana Noronha e Pedro Russo, da direção da Ciência Viva, são os moderadores do encontro que quer antecipar as respostas e novas questões que o instrumento vai trazer.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT