Miúdos

São brinquedos, sem olhar ao género: chegou o catálogo de Natal do Lidl

Amigos do ambiente, com materiais sustentáveis e uma mensagem de inclusão. Chegam esta segunda-feira às lojas.
É já esta semana.

Em qualquer outro ano, sem pandemia, era natural fazerem-se filas à porta dos supermercados Lidl no dia em que chegam os famosos brinquedos de madeira, a coleção a pensar no Natal com ofertas sustentáveis, amigas do ambiente, sem plásticos, acessíveis para a maioria das famílias — e, muito importante: duradouras e divertidas para os miúdos.

2020 é um ano especial e pedem-se cuidados extra: ao escolher onde vai, a que horas, ao respeitar distâncias e não esquecer as máscaras. Por isso, saiba que, numa das centenas de supermercados da cadeia alemã no nosso País, encontra a partir desta segunda-feira, 16 de novembro, ofertas para todos os gostos, idades e géneros — ou aliás, sem género.

Este ano, a cadeia decidiu mandar uma mensagem forte e juntar às preocupações ambientais dos seus brinquedos de Natal, uma nota de inclusão. Desde que o catálogo com os produtos que ficam agora disponíveis foi conhecido, que se multiplicam as notícias e as partilhas nas redes sociais a apontar um facto: a estratégia da marca para este ano, ao simplesmente não atribuir género aos brinquedos disponíveis.

Na prática, o que acontece aqui é que ao contrário de alguns catálogos de brinquedos, em que as secções das meninas e dos meninos são separadas tanto pelas cores rosa e azul como pelo tipo de ofertas, nas deste ano as meninas brincam com caixas de ferramentas, enquanto os meninos passam a ferro ou colocam bonecas nos seus carrinhos de madeira rosa.

“Neste catálogo a ideia é de que os brinquedos não têm género, e que são para todas as crianças no geral sem nenhum tipo de descriminação ou estereótipos de género associados”, explica a cadeia. A marca já o tinha feito, na realidade: era recorrente encontrar brinquedos ou situações nos seus catálogos em que os estereótipos eram rompidos. Contudo, na versão deste ano, a mensagem é mais óbvia e forte, destacam as dezenas de partilhas no Twitter e Instagram.

Além disso, os brinquedos voltam a ser maioritariamente de madeira, com certificação FSC, que assegura que o material utilizado na sua produção tem origem em florestas com gestão responsável promovendo melhores práticas ambientais e sociais.

E o que encontram estes anos os pais, tios, padrinhos e amigos, na sua senda para cumprir as intermináveis listas de Natal dos miúdos? Muita coisa: mais de 30 brinquedos diferentes, como puzzles (a 2,99€ cada), jogos didáticos (3,99€ cada), conjuntos de cozinha para brincar (7,99€) e casa de bonecas (59,99€).

Existem ainda carrinhos de cubos, jogos de equilíbrio, comboios, barcos de pirata, conjuntos de médicos, comidas e acessórios da “lida” da casa, mapas mundo de madeira, instrumentos musicais e muito mais.

A coleção estará disponível a partir de 16 de novembro e pode consultar tudo online. No entanto, carregue na galeria para conhecer já algumas das propostas.

 

 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

Novos talentos

AGENDA NiT