Na cidade

A inesperada cidade portuguesa que o “The Guardian” sugere como viagem em 2021

Faz parte do guia de viagens que a publicação britânica lançou no início do mês.
Amarante surge no topo da lista.

Pertence ao distrito do Porto, fica na sub-região do Tâmega e Sousa e tem cerca de 11 mil habitantes. Consegue adivinhar de que zona estamos a falar? Se respondeu Amarante, acertou. Esta cidade portuguesa surge no topo da lista do guia de viagens do “The Guardian” para 2021.

“As férias com as quais sonhamos este ano” — é neste segmento que Oliver Balch, que já é especialista em dar sugestões portuguesas aos viajantes britânicos, aponta um passeio à beira do rio em Amarante. Mas não só.

Começa por explicar que em tempos normais, provavelmente, iria para a Serra da Estrela ou para as encostas do Gerês. Porém, confessa que neste momento sente necessidade de repousar, considerando esta cidade perfeita pra isso.

A sugestão de Balch é um passeio junto do rio Tâmega. “Nas margens do Tâmega, numa belíssima ponte em arco a ligar as duas metades”, a cidade é um “labirinto de ruas calcetadas e cafés tranquilos”, que só pedem um passeio sem pressas, diz o especialista.

Recomenda também a passagem pela Igreja de São Gonçalo, o museu de Amadeo de Souza-Cardoso e espiar o Solar dos Magalhães em ruínas. E não se esquece do passeio pelo parque da cidade ou em bicicleta ao longo da antiga linha de comboio. 

Como um mimo muito excecional, finalizaria com uma visita ao Largo do Paço. No hotel Casa da Calçada, imponente edifício à beira do rio, existe um dos melhores restaurantes de Portugal fora de Lisboa”, sugere.

O “Travel do The Guardian” também inclui locais em países como Inglaterra, Irlanda do Norte, Itália, República Checa, Grécia, Holanda, França, Alemanha, Espanha, Croácia, Polónia, entre outros.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT