Na cidade

Acabou a vergonha: já ninguém vai saber que saiu de um grupo do WhatsApp

Apenas os administradores serão notificados da sua saída. Também vai deixar de poder fazer print de fotos temporárias.
Até que enfim.

Há poucas coisas mais irritantes do que estarmos num grupo de WhatsApp que está constantemente ativo com mensagens novas, o que faz com que o telemóvel apite e prejudique até as outras aplicações que estamos a usar em simultâneo. O problema, como bem sabemos, é que também pode ser constrangedor sair desse grupo e toda a gente receber a notificação de que abandonámos o chat. Felizmente, vai deixar de ser assim, graças a uma nova atualização que será implementada na aplicação de mensagens já em setembro.

A saída silenciosa dos grupos é a principal funcionalidade que vai chegar aos smartphones no próximo mês. Em vez de toda a gente receber uma notificação após abandonar a conversa, só o administrador será informado dessa decisão.

Em abril, o WhatsApp já tinha alterado a forma como os grupos eram geridos na aplicação. O limite máximo de pessoas por chamada foi aumentado, os administradores passaram a poder eliminar mensagens problemáticas e foi permitida a criação de subgrupos.

Os utilizadores também deixarão de ter a capacidade de fazer print screen das fotografias temporárias. O objetivo desta medida é melhorar as políticas de privacidade que existem na plataforma, dando assim maior segurança aos utilizadores.

Existe outra atualização que dará bastante jeito àqueles que pretendem manter o secretismo das conversas. Vai poder escolher quais são os seus contactos que conseguem ver quando é que está online.

O aguardado anúncio foi feito por Mark Zuckerberg, o CEO da Meta, a mesma empresa que detém o Facebook e Instagram. “Vamos continuar a construir novas maneiras de protegermos as vossas mensagens e mantê-las privadas e seguras como acontece nas conversas cara-a-cara”, escreveu o responsável no Facebook.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT