Na cidade

Afinal, a Carris Metropolitana só chega a Lisboa no próximo ano

A entrada em funcionamento nas Área 1 e 2 foi adiada cinco meses, mas avança em Almada, Seixal e Sesimbra já no dia 1 de julho.
Ainda não estão garantidas as condições essenciais.

No próximo dia 1 de julho, o serviço da Carris Metropolitana arranca na Área 3, que corresponde aos concelhos de Almada, Seixal e Sesimbra, com uma frota de autocarros renovada, com maior frequência, horários e novos percursos.

O arranque da Carris Metropolitana nos concelhos da Amadora, Cascais, Lisboa, Oeiras, Sintra, Loures, Mafra, Odivelas e Vila Franca de Xira — que correspondem às Áreas 1 e 2 — estava previsto para o próximo dia 1 de julho. Porém, a entrada em funcionamento da nova rede de transportes coletivos rodoviários foi adiada cinco meses. O anúncio foi feito pela Transportes Metropolitanas de Lisboa (TML) que, em comunicado, informou que “não estão garantidas as condições essenciais” para o novo serviço.

Assim, a Carris Metropolitana só chega a Lisboa e aos restantes oito concelhos em janeiro do próximo ano, devido a um “número bastante significativo de viaturas novas, a inexatidão nas datas da sua disponibilidade e a adequação dos sistemas de informação necessários à prestação do serviço”. Outro dos motivos para o adiamento é, segundo a TML, a “escassez de matérias-primas e de componentes no mercado internacional consequência da pandemia da Covid-19 e da guerra na Ucrânia”. 

No início do mês de junho, a Carris Metropolitana entrou em funcionamento nos concelhos de Alcochete, Moita, Montijo, Palmela e Setúbal, mas teve um início bastante atribulado, com motoristas que não conheciam os percursos que deviam realizar e passageiros sem informações relativamente aos novos horários e paragens. 

Já no que diz respeito à Área 3, que abrange os concelhos de Almada, Seixal e Sesimbra, o novo serviço arrancará já no próximo dia 1 de julho. O aumento da oferta de autocarros na Área 4 (Alcochete, Barreiro, Moita, Montijo, Palmela e Setúbal” também está previsto para o primeiro dia do próximo mês. 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT