Na cidade

Airbnb oferece a oportunidade de viver um ano em Itália sem pagar aluguer

A casa fica Sicília, numa pequena aldeia cheia de recantos e personalidade originais para descobrir.
A aldeia pacata é sua para descobrir.

Embora seja um destino idílico para muitos, as zonas mais rurais de Itália continuam a perder população ao longo dos anos. Em 2018, a aldeia de Sambuca até criou a campanha Casas a 1€ para promover o património cultural da área, encorajar o investimento estrangeiro e atrair população mais jovem para revitalizar a zona. Agora, no início deste ano, a Airbnb juntou-se à iniciativa e abriu um concurso que tem como prémio a possibilidade de ficar alojado numa das suas casas na aldeia a partir de 30 de junho sem pagar absolutamente nada — e até recebe dinheiro.

Após uma renovação intensa, a moradia passou de ruína a “obra de design”, diz a plataforma. Tirando partido da flexibilidade de viver e trabalhar à distância, o candidato selecionado poderá mudar-se para Sambuca, em Sicília, com a sua família, companheiro ou amigo e mudar-se para a propriedade restaurada. Ao mesmo tempo terão o pequeno trabalho de serem anfitriões de todos os visitantes que ali quiserem pernoitar, recebendo todos os rendimentos gerados na plataforma da Airbnb.

O alojamento tem um design contemporâneo com cores que complementam a paisagem que o rodeia e será possível encontrar vários elementos trabalhados manualmente por artesãos locais. O edifício é espaçoso, distribuído por três andares, com o ambiente que precisa para trabalhar remotamente.

O rés-do-chão é composto por uma pequena sala de estar e um quarto principal com uma cama king e casa e banho privativa. No primeiro andar é possível encontrarmos uma sala de estar maior, uma cozinha, uma área de trabalho, uma casa de banho e um quarto num mezanino, também com cama de casal. Por último, no segundo piso, há outra sala com sofá-cama de tamanho queen.

“A beleza deste projeto é que não só dá uma segunda oportunidade a uma casa abandonada no coração da nossa terra, mas é também uma segunda oportunidade para a pessoa que se muda para cá. É uma possibilidade real de transformação tanto para casa como para o anfitrião. Estamos à procura de alguém que queira integrar-se na vida da vila, interagir com os vizinhos e participar em eventos comunitários importantes, desde a vindima até à apanha da azeitona. Esperamos de braços abertos pela pessoa escolhida”, diz Leonardo Ciaccio, o presidente de Sambuca di Sicilia.

Sambuca é uma pequena localidade rural siciliana com cerca de seis mil habitantes, caracterizada por uma mistura única de culturas e estilos arquitetónicos italianos e norte-africanos.

Como é que eu posso participar?

Os interessados em apresentar uma candidatura devem dirigir-se ao site do concurso e completar o formulário. Os candidatos têm de ter mais de 18 anos, estar disponíveis para se mudar para a região a 30 de junho de 2022 durante, pelo menos, três meses consecutivos e devem ter um nível de inglês fluente — falar italiano é uma vantagem.

O selecionado terá a oportunidade de fazer parte de um programa de orientação onde aprenderá italiano e terá aulas de culinária típica do país. Os candidatos devem comprometer-se a hospedar uma divisão da casa durante pelo menos nove meses.

Carregue na galeria para descobrir aquela que pode bem ser a sua futura casa.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT