Na cidade

Alerta: vêm aí chuva forte e frio que se estendem ao fim de semana prolongado

O IPMA prevê uma alteração "significativa" das condições do estado do tempo, devido a um padrão de "rio atmosférico".
Não saia de casa sem o guarda-chuva.

O outono chega um pouco mais tarde do que o habitual mas parece vir em força. A NiT já tinha noticiado que o tempo quente acaba esta semana, já que as previsões apontam para chuva a partir desta quinta-feira, 28 de outubro, na maioria do País. Um contratempo para os muitos portugueses que marcaram uma escapadinha a contar com o fim de semana prolongado encostado ao feriado do 1 de novembro.

Agora, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) emitiu mesmo um comunicado onde avisa os portugueses para a mudança do estado tempo no continente. Isto porque a partir do meio da tarde de quinta-feira, dia 28 de outubro, prevê-se uma alteração “significativa” das condições do estado do tempo em Portugal Continental.

De acordo com o IPMA, o tempo seco e ameno dos últimos dias, dará lugar a tempo chuvoso e a uma descida gradual das temperaturas máximas, entre os dias 28 e 31 de outubro.

“A região anticiclónica que se estende desde os Açores até à Europa Ocidental irá enfraquecer, e permitir a passagens de massas de ar tropicais e com elevado conteúdo em vapor de água, transportadas latitudinalmente, num padrão usualmente conhecido como “‘rio atmosférico'”, explica o instituto.

Esta situação meteorológica deverá originar “precipitação persistente na generalidade do território”, e tem potencial “para produzir chuvas persistentemente fortes, em especial nas regiões do Centro e Sul, onde os impactos poderão ser significativos”, adianta.

A chuva deverá chegar ao Minho e Douro Litoral a partir do meio da tarde de dia 28, e estender-se gradualmente às restantes regiões Norte e Centro, e a partir de dia 29, à região Sul.

O vento do quadrante sul, também deverá aumentar de intensidade, em particular nas terras altas. Salienta-se ainda o aumento de agitação marítima na costa de Portugal continental. O IPMA recomenda mesmo aos cidadãos que estejam atentos para novas atualizações da situação.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

Novos talentos

AGENDA NiT