Na cidade

Atenção: os trabalhadores da CP e IP voltam a fazer greve em fevereiro

A paralisação foi convocada face à falta de resposta das duas empresas às propostas de valorização salarial.
A greve é dia 9 de fevereiro.

A confusão vai voltar a instalar-se para quem recorre aos comboios para se deslocar. Os trabalhadores da CP – Comboios de Portugal e da Infraestruturas de Portugal (IP) vão estar em greve no dia 9 de fevereiro, quinta-feira, devido à falta de resposta às propostas de valorização salarial, anunciou esta quarta-feira a Fectrans.

“A direção do SNTSF/Fectrans decidiu enviar um pré-aviso de greve À CP, à IP ‒ Infraestruturas, à IP-Telecom, à IP-Património e à IP-Engenharia para o dia 9 de fevereiro, com a duração de 24 horas”, lê-se na nota divulgada.

Em causa está a falta de resposta das duas empresas às propostas de valorização salarial. Os sindicatos consideram que as propostas entregues “ficam muito aquém” dos valores necessários para que seja reposto o poder de compra dos trabalhadores.

Em dezembro do ano passado, os funcionários das duas empresas também fizeram greve e exigiram “a atribuição de um prémio financeiro anual que compense a perda do poder de compra” ao longo do ano. A atualização do subsídio de alimentação, o fim da discriminação “entre trabalhadores” e “entre sindicatos” também fazem parte da lista de reivindicações.

Os clientes que já tinham comprado bilhetes para os comboios cancelados podem pedir o reembolso total do valor das viagens, até 10 dias após terminada a greve, ou a revalidação gratuita para outro percurso realizado numa carruagem da mesma categoria. O pedido pode ser feito nas bilheteiras ou través de um formulário online.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT