na cidade

Casas no centro histórico de Lisboa estão duas vezes mais caras

Um apartamento de 90 metros quadrados na zona da Baixa Pombalina pode custar meio milhão de euros, praticamente o dobro do valor pedido em 2013. O metro quadrado passa os quatro mil euros.

Não está fácil comprar casa.

Encontrar casa no centro da cidade está cada vez mais complicado. A grande maioria, se não é transformada em espaços para alojamento local, está a um preço completamente absurdo e incomportável. Há, inclusive, quem tente arrendar quartos minúsculos por mais de 400€, só por serem na zona central de Lisboa. 

No centro histórico, as coisas não estão melhores. Prova disso é que, desde a crise de 2013, que o preço por metro quadrado nas freguesias da Misericórdia, Santa Maria Maria Maior e São Vicente praticamente duplicou.

Atualmente, e segundo um estudo da Confidencial Imobiliário, uma consultora que analisa os preços tendo em conta dados da Câmara Municipal de Lisboa, um metro quadrado numa destas freguesias custa, nada mais nada menos, do que 4 472€.

Quer isto dizer que, por exemplo, um apartamento de 90 metros quadrados pode custar algo como 403 mil euros. Segundo os dados da consultora, só no segundo semestre de 2017 o preço aumentou em 5,9% em relação a 2016.

No entanto, ainda há esperança para quem sonha com uma casa na zona mais nobre da capital. A Câmara Municipal de Lisboa abriu recentemente candidaturas para a atribuição de 100 casas de património municipal, a residentes nas freguesias de Santa Maria Maior, Santo António, São Vicente e Misericórdia. Recorde o artigo da NiT e veja como se pode inscrever.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT