Na cidade

Desfile de Carnaval e outras sugestões grátis para fazer este fim de semana em Lisboa

O coletivo Colombiana Clandestina vai voltar a sair à rua para pintar as ruas de rosa, mas há muito mais para ver.
Vai ser uma animação.

O Carnaval está mesmo aí à porta. Com tudo o que vai acontecer na capital este fim de semana, o frio e a chuva não podem ser desculpa para ficar por casa. O melhor é mesmo aproveitar os dias de descanso para ver as pessoas mascaradas nas ruas de Lisboa e assistir a desfiles de Carnaval que nos levam até ao Rio de Janeiro. 

Em casal, com amigos ou em família, a lista de atividades gratuitas inclui sugestões para todos os gostos e idades. O fim de semana arranca com um mega evento na Fábrica do Braço de Prata, onde vai poder celebrar o Carnaval durante todo o dia.

No sábado, 10 de fevereiro, o centro cultural irá oferecer 14 horas de animação, com um mini mercado gastronómico, atividades infantis e desfile das oficinas de percussão das escolas residentes na Fábrica. O Concerto da Lisbon Film Orchestra, o teatro infantil “A Cigarra e a Formiga” e o Bloco Oxalá são alguns dos destaques da programação.

Ainda no mesmo dia, sai à rua o maior Carnaval de Bloco de Rua fora do Brasil, este ano com o tema “A Cor é Rosa”. O coletivo Colombiana Clandestina começou a revolucionar a cena cultural lisboeta em 2017 unindo as celebrações do Entrudo ao ativismo — e este ano não é exceção.

“Vamos ocupar as ruas de Lisboa com a nossa bateria clandestina, sopros, corpo de dança, vozes e pernaltas e ditar a cor da resistência com muita alegria dos corpos desobedientes”, escreveram numa publicação nas redes sociais. O desfile mais esperado do fim de semana vai pintar de rosa o percurso entre o Mercado dos Sapatos e o Largo da Graça, com início às 14 horas.

Durante os próximos dois dias, também pode visitar várias exposições, bailes com concursos de máscaras, bem como feiras de artesanato e roupa em segunda mão.

Confira abaixo as sugestões da NiT.

Sábado, 10 de fevereiro

Carnaval na Fábrica do Braço de Prata

A Fábrica do Braço de Prata vai receber um evento com momentos musicais, mini mercado gastronómico, atividades infantis e desfile das oficinas de percussão das escolas residentes. A entrada é livre até às 20 horas.

Desfile de Carnaval da Colombina Clandestina

Desde 2017 que o coletivo Colombina Clandestina tem revolucionado a cena cultural, unindo o Carnaval e ativismo. O coletivo, inspirado na personagem Colombina da Commedia dell’arte, vai desfilar entre o Mercado dos Sapadores e o Largo da Graça, a partir das 14 horas.

Feira de Artesanato

A Feira de Artesanato de Benfica está de regresso ao Palácio Baldaya já este sábado, 10 de fevereiro.Todos os meses, no segundo sábado do mês, pode conhecer (e comprar) o trabalho dos artesãos.

Baile de Carnaval e Concurso de Máscaras

Os jardins do Palácio Baldaya vão acolher um grande Baile de Carnaval e um Concurso de Máscaras na tarde de sábado. O concurso está aberto a todas as idades e os participantes serão avaliados com base na criatividade, originalidade e execução da máscara. 

Exposição “Between Two Waters”

A Galeria Underdogs abre as portas a uma nova exposição coletiva, reunindo um grupo multifacetado de jovens artistas portugueses. Blac Dwelle, Blackson Afonso, Jorge Charrua, Raquel Belli, Tamara Alves, Tiago Hesp e Vasco Maio abordam o posicionamento cada vez mais binário das sociedades humanas, e o papel da arte na desconstrução destes novos paradigmas.

Feirinha do Tertúlias e Ofícios

Campolide vai voltar a receber um mercado onde pode encontrar muitas peças de cerâmica e roupas em segunda mão à venda na Rua Soares dos Reis 14A.

Domingo, 11 de fevereiro

Concerto Rising Stars

Enquanto membro da rede ECHO – European Concert Hall Organisation, composta por um conjunto de prestigiadas salas de concertos do continente europeu, a Fundação Calouste Gulbenkian abre de novo as suas portas para receber o ciclo Rising Stars. O programa privilegia estrelas ascendentes da interpretação e da criação musical, como Mathis Kaspar Stier e Júlia Poker.

Oficina “Chapéus Há Muitos”

Neste Carnaval, os mais novos são desafiados a criar um adereço para a cabeça, inspirada na cidade medieval, no Museu de Lisboa – Santo António. Pelas ruas de Lisboa, na Idade Média, ninguém andava de cabeça descoberta.

Exposição “As Mulheres de Maria Lamas”

É na Fundação Calouste Gulbenkian que vai encontrar uma exposição que mostra, pela primeira vez em Portugal, a obra fotográfica da jornalista e escritora, pedagoga e investigadora, tradutora e fotógrafa, lutadora pelos direitos humanos e cívicos em tempos de ditadura, Maria Lamas.

Com curadoria de Jorge Calado, a mostra celebra os 75 anos da obra “As Mulheres do Meu País de Maria Lamas”, marco monumental do jornalismo e da literatura portuguesa do século XX.

Feira de Inverno da Estrela

A festa, que já começa a ganhar alguma tradição na cidade regressou no dia 25 de janeiro, promete “ocupar os dias frios de pais e filhos e garantir muita alegria e entretenimento para toda a família”. O recinto irá contar com as habituais bancas de artesanato e produtos regionais, jogos tradicionais, carrosséis, roda-gigante, carrinhos de choque e muito mais.

Exposição “Oriente — Ocidente: a origem dos jogos tradicionais”

O Museu do Oriente tem patente uma exposição com 41 esculturas representativas de vários jogos e brincadeiras tradicionais que tiveram origem na China e no Japão e que ainda hoje se realizam em todo o mundo. Em várias destas representações, enquanto as crianças jogam os jogos, outras personagens adultas e crianças observam esse mesmo ato de jogar.

Exposição “Factum”

Organizada pelas Galerias Municipais/ EGEAC por ocasião dos 50 anos do 25 de Abril, a exposição “Factum”, na Galeria do Torreão Nascente da Cordoaria Nacional, apresenta cerca de 170 fotografias de um dos mais notáveis fotógrafos portugueses. Eduardo Gageiro acompanhou, de forma crítica, modos de vida, várias personalidades e acontecimentos da história recente do País.

 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT