Na cidade

Dois anos depois, as piscinas municipais de Évora voltam a abrir ao público

O complexo foi renovado e reabriu no dia 3 de junho. Conta com novos equipamentos desportivos e uma parede de escalada.
Já estão abertas.

Já passaram mais de 50 anos desde que foi dado o primeiro mergulho nas piscinas municipais de Évora. Inaugurado em 1964, é um dos complexos mais antigos do País e está finalmente pronto para o verão, após dois anos de obras de requalificação.

Devido ao encerramento forçado pela pandemia, o complexo foi alvo de “uma intervenção de fundo no sistema de recirculação de água de transbordo dos tanques ao ar livre”, reforça o município. A Casa da Mata, situada no interior do complexo de piscina, também foi remodelada.

Com um investimento total de quase 500 mil euros, as obras incluíram a substituição da relva já existente e a criação de novas zonas de calçada que facilitam o acesso a pessoas com mobilidade reduzida. A antiga zona das bancadas também passou a estar disponível.

Piscina não é piscina sem espreguiçadeiras, pelo que também foi criada uma zona dedicada especialmente para as pessoas aproveitarem o sol. Além disso, foram instalados equipamentos desportivos e uma parede de escalada para miúdos até aos 12 anos. 

O complexo tem pranchas para saltar de 1,5, 3, 5 e 7,5 metros, uma piscina olímpica, uma piscina de aprendizagem, dois tanques para bebés, uma piscina coberta, um parque infantil, um parque de merendas, um polidesportivo, bares e zonas verdes.

As piscinas municipais de Évora reabriram a 3 de junho, sexta-feira, e o complexo está aberto todos os dias durante a época balnear. Segunda-feira e domingo o horário é das 13 às 20 horas, sendo que nos restantes dias abre às 9 horas. 

Os preços podem ser consultados online e são mais baratos para os residentes do concelho. Um dia inteiro, por exemplo, custa 3,40€. Para quem vem de outras cidades, os bilhetes ficam a 4,20€.

De seguida, carregue na galeria para ver o complexo renovado.

 

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT