Na cidade

Empresa deixa de vender aquários redondos porque “enlouquecem os peixes”

A AgroBiothers Laboratoire diz que "manter o peixe numa tigela é cruel" e decidiu cancelar um dos seus produtos mais vendidos.
Empresa diz que é cruel.

Se sempre se perguntou porque é que os seus peixinhos acabavam por morrer ao fim de alguns dias, a resposta pode ser esta: os aquários redondos enlouquecem os peixes. Uma empresa francesa, a AgroBiothers Laboratoire, decidiu deixar de vender este tipo de aquários porque “dar voltas e voltas num pequeno aquário enlouquece os peixes e mata-os rapidamente”

Os aquários redondos com capacidade inferior a 15 litros vão deixar de estar à venda nas várias lojas desta cadeia de tratamento de animais de estimação. “As pessoas costumam comprar um peixe-dourado para os seus filhos por impulso, mas se soubessem como estão a torturar o animal não o fariam”, afirma a empresa à “Reuters”, citada no “Público“.

Se sempre pensou que os peixes-dourados tinham apenas uma esperança média de vida de poucos dias, estava enganado. Esta espécie pode chegar aos 30 anos de idade e crescer até 25 centímetros. No entanto, isto só acontece quando vivem em liberdade e nunca em aquários pequenos sem filtração ou oxigenação.

“Não podemos educar todos os nossos clientes para explicar que manter o peixe numa tigela é cruel. Consideramos que é nossa responsabilidade já não dar aos consumidores essa escolha”, afirma o diretor da AgroBiothers.

Há alguns anos que a Alemanha e outros países europeus proibiram a venda deste tipo de aquários. Em França, isso ainda não aconteceu. “É um anacronismo francês, por isso é que decidimos mudar. Não podemos educar todos os nossos clientes para explicar que manter o peixe numa tigela é cruel. Consideramos que é nossa responsabilidade já não dar aos consumidores essa escolha”, acrescenta Matthieu Lambeaux.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT