Na cidade

Forest Therapy: chegou a primeira empresa portuguesa que faz terapia entre as árvores

A Renature trouxe para o mercado português os comprovados benefícios desta maravilha para a sanidade mental.
Em contacto com a natureza.

Já ouviu falar em Forest Therapy? Provavelmente não, mas o seu instinto e senso comum dir-lhe-ão, pelo nome, que estará relacionado com os benefícios de florestas e espaços verdes na saúde, como terapêuticos. E não está longe da verdade: é praticamente isso que o conceito, que agora chega a Portugal, significa.

Numa altura em que a pandemia, as mudanças radicais na maneira como vivemos e as nossas perspetivas de futuro mudaram radicalmente, até o mais dos resilientes e equilibrados a nível mental sentiram um impacto profundo. Foi neste cenário que começou a ganhar forma em Portugal uma empresa que pratica esta Forest Therapy, ou Terapia da Floresta, com sucesso comprovado em muitos dos problema de depressão, stress e ansiedade que estão agora, mais do que nunca, exacerbados.

A empresa chama-se Renature e foi apresentada no início deste mês de abril, como a primeira do género a trazer para o mercado nacional os benefícios de Forest Therapy.

Inspirada na prática japonesa de Shinrin-Yoku, que significa receber a floresta através dos sentidos, a Forest Therapy ou Forest Bathing como também é conhecida, ajuda a restabelecer o equilíbrio do nosso sistema nervoso promovendo saúde e bem-estar, funcionando também como um escape para o stress do dia a dia; e afirma-se ainda como uma ferramenta para gestores e equipas. Como prática individual ou dentro de um programa para empresas e colaboradores, é uma prática que começa — explica à NiT fonte desta empresa — a ser incontornável.

Mas antes disto tudo, a Forest Therapy já era também uma prática ancestral, com efeitos benéficos para o bem-estar de cada pessoa ou grupos de pessoas e “claras evidências científicas”, acrescenta a mesma fonte,

A terapia é sempre praticada exclusivamente ao ar livre e obedece a uma sequência definida que permite a indivíduos e equipas alcançarem um ritmo de contemplação e reflexão, convidando as pessoas a experimentar os prazeres da natureza através dos seus sentidos. Com isto, pretende-se beneficiar a saúde física, mental, emocional e espiritual.

Maria do Carmo Stilwell, também conhecida por Geeta, está por detrás da chegada do conceito a Portugal. Geeta é licenciada em Farmácia, tendo trabalhado em multinacionais da área da saúde, e é também guia certificada e Formadora de Guias de Forest Therapy, além de fundadora da Renature.

Dentro da sua nova empresa, ela cria e facilita programas que promovem o bem-estar e a saúde através de práticas de conexão com a natureza, Clean Eating e Self-Care. E explica à NiT como surgiu tudo isto e porquê. “O ritmo do dia a dia, a mudança para as grandes cidades, a cada vez maior utilização da tecnologia e, mais recentemente, a pandemia e isolamento social, levaram a que nos afastássemos cada vez mais da natureza, da floresta, das nossas raízes”, começa por enquadrar.

O objetivo da Renature é, assim, simples: “voltar a ligar os seres humanos à natureza, para que possam restabelecer o equilíbrio, saúde e bem-estar na sua vida, inspirando-os a cuidar do nosso planeta, valorizando a sua herança natural. Estivemos seis meses a pensar como, de uma forma profissional e segura, poderíamos devolver às pessoas a natureza.”, explica a fundadora da Renature.

A empresa lembra factos simples: o stress é conhecido por ser um dos responsáveis por vários problemas de saúde, podendo levar à hipertensão, obesidade, ansiedade e depressão, entre outras. O seu impacto faz-se sentir nas pessoas individualmente e nas empresas, nos serviços de saúde e na economia. E provas disso não faltam: de acordo com a Agência Europeia para a Segurança e Saúde no Trabalho, o stress laboral é o segundo problema de saúde mais referido na Europa, estando na origem de 50 a 60 por cento dos dias de trabalho perdidos.

Reduzir este stress, acentuado pela pandemia, é essencial. Como? Segundo um estudo recente, publicado no ano passado no International Journal of Mental Health and Addiction, a Forest Therapy pode ser um dos meios eficazes na redução dos sintomas de saúde mental a curto prazo, sobretudo o stress e a ansiedade.

De acordo com essa investigação, uma revisão sistemática e meta-análise que avaliou o impacto desta terapia na saúde mental, recorrendo a 20 estudos realizados na Ásia e na Europa com mais de duas mil pessoas, a Forest Therapy é eficaz no combate à depressão, ansiedade e stress.

Mas há mais. Um segundo estudo, publicado também em 2020, mas na revista científica “Urban Forestry and Urban Greening”, confirma que esta prática aumenta a criatividade. O teste foi feito com os participantes de um workshop de Forest Therapy, de três dias de duração, e revelou que estes exibiram um aumento de 27 por cento no desempenho criativo, um aumento ao nível das emoções positivas e uma diminuição das emoções negativas.

“A ciência já demonstrou que o ambiente da floresta pode diminuir a pressão arterial, a frequência cardíaca, os níveis da hormona do stress, ansiedade, depressão, raiva, fadiga e confusão”, acrescenta a Renature.

Os escritórios? Na floresta, claro

Os escritórios da empresa são a própria natureza. Chova ou faça sol, a Renature trabalha atualmente em 14 florestas, bosques e parques naturais como o Parque Natural de Sintra-Cascais, Monsanto, Boomland, a Mata Nacional do Buçaco, o Parque Natural da Arrábida, o Parque Natural da Serra da Estrela, o Parque Natural Peneda-Gerês, a Serra do Caramulo, a Serra da Lousã ou o Parque Natural Montesinho. “Temos o sol, o céu e as estrelas como tetos e as árvores como paredes”, explica-se na sua página.

Quanto ao que pode concretamente fazer e reservar, dentro de um mesmo conceito há uma enorme panóplia de opções e experiências: programas de três horas, um dia, dois dias e cinco dias, todos assentes em cinco pilares fundamentais, a ligação com a natureza, a prática de Forest Therapy, o Clean Eating, a prática de Embodiment e o desacelerar. O leque de ofertas da Renature for You, ou seja para pessoas fora do contexto de empresa, inclui passeios de Forest Therapy, Remotely Guided Forest Therapy, Slow Day, Restorative Nature Week ou o Digital Detox, realizados a pensar no indivíduo, grupos de amigos ou famílias.

Para as empresas, há também vários programas que podem ajudar as equipas a ficarem mais alinhadas, focadas e equilibradas: programas com nomes e temáticas como Stirring Inspirations, Expanded Clarity e Circle of Wisdom, entre outros, são exclusivos e pretendem restaurar equilíbrio interior físico, mental, emocional e espiritualmente com a ajuda dos sentidos.

No fundo e em resumo, as práticas dividem-e em dois grupos — para pessoas, através da Renature for You e para empresas, através da Renature for Your Company. A base do trabalho é sempre o Forest Therapy, com a duração de três horas e começa com um preço base de 17€ por pessoa nos programas Renature for You.

“Temos como princípio criar programas que sejam acessíveis a todos pois a nossa missão é trazer o maior número de pessoas para uma relação mais próxima com a natureza”, acrescenta a mesma fonte.

Quanto às soluções para empresas, estas podem decorrer numa manhã e estender-se a vários dias ou semanas, dependendo das necessidades e do trabalho a desenvolver junto de colaboradores e equipas. Os preços destes serviços e produtos variam, por isso, conforme as soluções e serviços e a sua duração. As informações e pedidos podem ser enviados por email para info@nullrenature.pt ou através do número +351 965 223 115.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT