Na cidade

Free Now quer ter viagens totalmente elétricas até 2030

O objetivo da empresa de mobilidade é que em cinco anos metade dos seus veículos sejam elétricos.
Emissões de gases serão também compensadas

A plataforma de mobilidade Free Now anunciou esta quarta-feira, 13 de janeiro, que será a primeira a alcançar o Plano Net-Zero. Isso quer dizer que o seu objetivo é que a frota seja 100% elétrica em todos os mercados da Europa até 2030.

Com uma estimativa de que em 2025 metade da frota seja elétrica, a meta é chegar a 2030 com zero emissões. Isto permitirá atingir as metas do Acordo de Paris com dez anos de antecedência.

“Em cooperação com os fabricantes de veículos, com os fornecedores de infraestrutura de carregamento elétrico e com as cidades, garantiremos que cada vez mais as viagens ecológicas serão as preferidas dos consumidores, de modo a que nos afastemos o mais rápido possível das tecnologias poluentes, como os veículos a diesel”, explica Marc Berg, CEO da Free Now.

No caso de Portugal, 22% das viagens da empresa já são feitas em modo ride-eco, estando implementado um desconto neste tipo de viagem desde setembro de 2020, que varia entre 8% e 10%. Para este ano, a plataforma vai aceitar a entrada apenas de carros 100% elétricos.

Como acontece noutros países, a Free Now fez um acordo com a EDP para que os seus motoristas tenham desconto no carregamento dos seus carros.

Para compensar o resto das emissões de gases de efeito de estufa, a empresa tem ainda medidas previstas como a preservação e recompilação de florestas, incluindo a plantação local de mais de 20.000 árvores em cidades europeias.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT