Na cidade

Gostava de trocar de carro e ter um híbrido? A Toyota dá-lhe 3 mil motivos para isso

A marca japonesa tem uma campanha de retoma com incentivo à mobilidade elétrica a decorrer até ao final de novembro.
Toyota C-HR, Touring Sports, Hatchback e Sedan são os veículos que pode adquirir nesta campanha

A descarbonização e a redução da pegada ecológica têm sido dois fatores cada vez mas presentes nas cabeças dos clientes que se preocupam com o ambiente. Em resposta — mas também como obrigação legal perante as metas que os países se propõem alcançar —, as marcas têm vindo a ter também em consideração o impacto ambiental dos produtos que lançam.

O setor automóvel é um dos que mais se têm envolvido nesta área, procurando alternativas mais sustentáveis. Foi assim que surgiu a mobilidade elétrica, uma das grandes tendências desta geração.

Mas como o fator ambiental pode não ser um argumento forte o suficiente para todos, a Toyota decidiu dar mais e boas razões aos portugueses para trocarem para um híbrido. A marca lança assim uma campanha em que oferece 3 mil euros de valorização extra na retoma do veículo antigo para gastar na compra de um carro da gama Corolla Hybrid, que inclui os modelos Hatchback, Touring Sports e Sedan e ainda o Toyota C-HR. Cada um destes modelos está ajustado a um estilo distinto, de forma a agradar a todos os gostos, desde o Sedan mais elegante ao C-HR desportivo, passando pelo Touring Sports que tem espaço para toda a família. 

A marca japonesa quer assim incentivar o consumo mais consciente e sustentável. A campanha “Se é para trocar por um híbrido, não há que inventar” decorre até ao final de novembro. Para descobrir as diferentes solução já se encontra disponível no site um simulador de retoma que avalia o valor tendo em conta o veículo que tem atualmente.

A Toyota tem liderado a investigação neste setor. Aliás, até produziu primeiro veículo de passageiros híbrido, em 1997, o Prius. Se na altura este veículo espantou o mundo inteiro na igual medida em que provocou desconfiança, a verdade é que a tecnologia evoluiu e conquistou toda a gente. Desde aí, a marca já lançou vários modelos, sendo a gama atual a quarta geração de veículos com motor de combustão e motor elétrico. Hoje, a Toyota conta com mais de 14 milhões de híbridos em circulação por todo o mundo— uma prova da aposta dos consumidores na mobilidade elétrica e da confiança na marca de automóveis pioneira deste setor.

Hidrogénio – o próximo passo na mobilidade elétrica

Ainda nesta onda da sustentabilidade, a Toyota tem-se dedicado à tecnologia de zero emissões com recurso ao hidrogénio como substituto dos combustíveis fósseis e como uma alternativa aos híbridos. Reduzir as emissões de gases é uma necessidade urgente e o hidrogénio poderá ser a solução mais segura, económica e simples. Para a sua produção podem ser usadas as estruturas existentes dos combustíveis utilizadas até agora, o que vai permitir manter os empregos de quem trabalha no setor. Além disso, o hidrogénio apenas produz água e é fácil de transportar e armazenar. 

Voltando a ser disruptiva, depois do Prius, a Toyota lançou em 2014 o Mirai, um carro movido a hidrogénio. Para a marca, só resta que este se torne um combustível mais global, permitindo oferecer aos condutores o número de infraestruturas necessárias para que se caminhe nesta direção. 

Este artigo foi escrito em parceria com a Toyota.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT