Na cidade

Há mais de 50 concelhos em risco muito elevado de incêndio em todo o País

Apesar da descida de temperatura e da previsão de chuva para algumas zonas do País, as previsões são preocupantes.
Muita atenção.

Esta terça-feira, 15 de setembro, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou mais de 50 concelhos em risco muito elevado de incêndio. Pertencem aos distritos de Bragança, Viseu, Guarda, Aveiro, Coimbra, Leiria, Santarém, Castelo Branco, Portalegre e Faro.

Já o concelho de Figueira de Castelo Rodrigo, no distrito da Guarda, apresenta risco máximo de incêndio, de acordo com as previsões do IPMA. Na segunda-feira dia 14, a secretária de Estado da Administração Interna, Patrícia Gaspar, anunciou que Portugal continental ia ficar em alerta amarelo, na sequência da última avaliação das condições meteorológicas feita pela Proteção Civil em função do risco de incêndios florestais.

A governante disse que Portugal está “a viver dias de enorme complexidade em matéria de incêndios rurais”, uma vez que, “praticamente durante oito dias, com todo o País em situação de alerta”, foram registadas “1.088 ocorrências de incêndios rurais”.

Além deste alerta, os distritos de Évora e Beja apresentam risco muito elevado de exposição à radiação UV. Para estas regiões, o IPMA aconselha a utilização de óculos de sol com filtro UV, chapéu, T-shirt, guarda-sol e protetor solar. As crianças devem evitar a exposição ao sol.

Esta terça-feira, 15 de setembro, as temperaturas mínimas vão estar entre os 14 (Guarda e Bragança) e os 18 graus (Lisboa e Aveiro). As máximas ficam entre os 24 (Viana do Castelo e Guarda) e os 31 graus (Santarém).

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm
Novos talentos

AGENDA NiT