Na cidade

Há uma nova ciclovia temporária junto à estação de Metro do Campo Grande

Este percurso foi criado como alternativa aos constrangimentos causados pelas obras de expansão do metropolitano naquela zona.
As obras expandirão a rede do Metropolitano de Lisboa.

O plano de expansão de rede do Metropolitano de Lisboa no Campo Grande implica a instalação de vários estaleiros que estão na origem de vários constrangimentos à mobilidade nas zonas onde estão a decorrer.

As obras acabaram por impedir a circulação pedonal no sentido Lumiar/Campo Grande, bem como parte da ciclovia que liga a Rua Cipriano Dourado ao cruzamento com o jardim do Campo Grande. Como alternativa, foi criado um novo troço de ciclovia que acaba por contornar o percurso pedonal, passando junto à Rua Actor António Silva.

Atualmente, estão a ser construídos dois viadutos na zona. Um deles tem cerca de 158 metros e permitirá “fechar o anel no Campo Grande”, explica o Metropolitano de Lisboa em comunicado. O outro vai ter aproximadamente 428 metros e será implantado a norte dos viadutos já existentes e fará a ligação do troço Odivelas/Campo Grande à estação de Telheiras (linha verde).

O objetivo do projeto passa por ligar a zona do Rato ao Cais do Sodré, conseguindo um percurso circular que irá ligar as linhas verde e amarela, passando as restantes ligações a funcionar como radiais — linha amarela de Odivelas a Telheiras, linha Azul (Reboleira – Santa Apolónia) e linha Vermelha (São Sebastião – Aeroporto). 

A ciclovia temporária está assinalada a amarelo.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT