Na cidade

Já abriram as candidaturas para os próximos astronautas da NASA

Quem se quiser inscrever precisa de cumprir três requisitos e passar por várias fases de recrutamento.
Tem até 12 de abril.

A 5 de março, e após dois anos de rigoroso treino, doze novas pessoas (dez norte-americanos e dois cidadãos dos Emirados Árabes Unidos) tornaram-se oficialmente astronautas. Quer isto dizer que poderão por exemplo, vir a ser enviados para a Lua pela NASA. Caso este também seja o seu sonho, saiba que já estão abertas as inscrições para a próxima formação.

“Vocês estão aqui porque são excecionais. As vossas missões mudarão a nossa compreensão da Terra e do espaço”, disse Jim Free, administrador da agência espacial norte-americana, durante a cerimónia oficial em Houston, no Texas. 

Estes engenheiros, cientistas, pilotos e até médicos foram selecionados em 2021, entre mais de 12 mil candidatos. Desde aí estiveram em constante treino intensivo e fizeram simulações de caminhada espacial, aulas de russo, cursos de sobrevivência a temperaturas baixas e pilotaram aviões supersónicos.

Nessa mesma cerimónia, a NASA anunciou que estavam abertas as inscrições (até 2 de abril) para recrutar a próxima turma. Os critérios para esta profissão, que neste caso tem um salário anual de 152 mil dólares, são ser norte-americano, ter mestrado em disciplina científica, tecnológica ou de engenharia e ter experiência profissional de pelo menos três anos.

O Conselho de Seleção de Astronautas da agência, inicialmente, vai analisar as candidaturas e as qualificações de cada um que concorrer ao cargo. Depois, vai convidar os mais qualificados para entrevistas no Johnson Space Center, em Houston, no Texas. Dessa amostra, cerca de metade será chamada para uma segunda fase, e daí vão ser selecionados os novos astronautas.

Atualmente, a empresa espacial americana conta com 48 profissionais no ativo, ou seja, que estão elegíveis para uma missão, mas o objetivo é aumentar a equipa. “Há muitas mais oportunidades hoje do que nas décadas de 60 e 70 para atividades no espaço”, referiu, Harrison Schmitt, astronauta da missão Apollo 17 que caminhou na Lua, durante a cerimónia.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT