Na cidade

Já pode ir do Minho à Galiza de bicicleta elétrica sem pagar (sim, leu bem)

As 46 e-bikes estão disponíveis em seis cidades portuguesas e espanholas. Todos podem pedalar, desde que o saibam fazer, claro.
É totalmente gratuito. Foto: Vila Nova de Cerveira.

Não é nenhum esquema duvidoso: a utilização destas bicicletas elétricas é mesmo gratuita e acessível a todos. A iniciativa é dinamizada pela e-bike Rio Minho, a rede de mobilidade suave que lançou na quarta-feira, 6 de julho, um serviço que une os dois lados da fronteira através de uma rede de bicicletas elétricas.

Em parceria com as Eurocidades Monção-Salvaterra, Tui-Valença e Cerveira-Tomiño, este é o primeiro serviço de gestão “verdadeiramente transfronteiriço em toda a Península Ibérica”. O projeto integra 46 e-bikes disponíveis em nove estações distribuídas por seis cidades portuguesas e espanholas: Valença, na estação de comboios e piscina municipal; Tui, na Praza da Inmaculada; Cerveira, na Praça do Município e Avenida das Comunidades Portuguesas; Tomiño, na Praza do Seixo; Monção, na Lodeira e Praza Deu la Deu; e Salvaterra, no parque de A Canuda.

Este projeto gratuito para os utilizadores, “pretende dar resposta a um conjunto de políticas públicas de planeamento e desenvolvimento sustentável, onde se inclui a promoção de ciclovias e percursos cicláveis, promovendo a qualidade de vida das comunidades”, lê-se no comunicado de imprensa.

Para poder dar um passeio nestas bicicletas elétricas, basta inscrever-se num dos balcões de atendimento, onde lhe será dado um cartão de utilizador, ou então descarregar a aplicação e-bike Rio Minho. Se optar pela segunda opção, terá que fazer o depósito de uma caução, que é devolvida 48 horas após a entrega da bicicleta.

Assim que se inscrever, o próximo passo é desbloquear a bicicleta numa das estações disponíveis e seguir viagem. No final, terá que a devolver a uma das estações da cidade onde iniciou a viagem.

As bicicletas elétricas estão disponíveis de junho a setembro, das 8 às 20 horas, e no inverno, das 9 horas às 17h30. O período máximo de utilização é de três horas diárias.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT