Na cidade

Jorge Guerreiro e D.A.M.A sobem juntos ao palco do maior santódromo da capital

A música popular chega aos Santos no Tejo pela segunda vez na Doca da Marinha. O evento arranca no final de maio.
No evento, todos os pagamentos serão feitos via digital.

As sardinhas e a música popular são os pilares de qualquer festa popular de verão e os aromas e os sons estão prestes a invadir a capital. Em junho, as ruas de Lisboa e arredores transformam-se para receber os Santos Populares e este ano as escolhas para um ou mais pés de dança continuam a dividir opiniões.

Este ano, o Santos no Tejo está de regresso à Doca da Marinha, após uma estreia de sucesso com mais de 35 mil participantes no ano passado. A organização retoma a programação com seis dias de muita animação, estando o último dia do mês de maio reservado para um concerto de Ana Bacalhau e Marante.

Já tínhamos dado a conhecer parte desta segunda edição, mas os secretismos acabaram esta quinta-feira, 9 de maio, com o anúncio do último dueto POPular: D.A.M.A & Jorge Guerreiro vão subir ao palco juntos a 8 de junho. Os dois nomes juntam-se assim aos artistas que já tinham sido anunciados: Áurea e Emanuel (1 de junho), João Só e Rosinha com Bárbara Tinoco (6 de junho), Cláudia Pascoal e Rebeca (7 de junho) e Gisela João e José Pinhal Post Mortem Experience (9 de junho).

Juntam-se outros nomes como André Henriques & Gonçalo Roque, o Baile do Pimpão & Melão, Hélder Tavares & Mojo com o Tio Jel e Rouxinol Faduncho.

Neste festival não só o ouvido ficará apurado e a mão ocupada. Com a praça gastronómica pode juntar à diversão a prova de vários petiscos tradicionais— mas atenção que os pagamentos apenas podem ser feitos via digital.

Se for rápido, ainda existem bilhetes a 10€. Os restantes passes diários têm um custo de 15€ e incluem uma bebida à escolha (cerveja, água ou refrigerante). A venda está disponível no site da organização.

 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT