Na cidade

Ligações da Transtejo entre Lisboa e Margem Sul vão ter problemas até sexta-feira

A hora de ponta será mais difícil a partir de quarta-feira, 17 de agosto, devido à greve parcial dos trabalhadores da empresa.
As perturbações mantém-se até sexta-feira.

Se já sentiu dificuldades para fazer a travessia entre as duas margens do Tejo esta terça, 16 de agosto, — uma vez que as ligações fluviais só foram regularizadas a partir das 10 horas no caso do Seixal, Cacilhas e Montijo, e das 9h30 no caso do serviço Trafaria-Belém —, prepare-se. A situação vai piorar nos próximos dias.

As manhãs vão-se tornar mais difíceis entre quarta e sexta-feira, 17 a 19 de agosto, para quem quer chegar a Lisboa desde a Margem Sul. Nestes dias, as viagens de barco entre Cacilhas, Seixal e Montijo e Lisboa só vão acontecer a partir das 11 horas devido à greve parcial dos funcionários da Transtejo. Segundo o aviso deixado no site da empresa, em causa está “uma greve parcial e greve ao trabalho suplementar, convocadas por organizações sindicais representativas dos trabalhadores da Transtejo”.

Recorde-se que entre os dias 8 e 12 de agosto os trabalhadores já haviam feito greve parcial, o que levou à supressão de ligações em períodos de maior movimento. Segundo a Federação dos Sindicatos de Transportes e Comunicações (Fectrans), o protesto dos trabalhadores deve-se “ao facto de a administração/Governo não ter iniciado um efetivo processo de negociação, de modo a discutir as reivindicações sindicais, das quais, além da valorização salarial, consta a melhoria do serviço público”.

Carlos Costa, dirigente da Fectrans, explicou em declarações à agência Lusa, que a greve realiza-se às três primeiras horas dos turnos da manhã e à tarde são três horas por turno, e não foram decretados serviços mínimos.

Durante os períodos de paralisação os terminais estarão encerrados, por motivos de segurança, e a Transtejo adianta que a realização, ou não, de carreiras está dependente das adesões à mesma. É, então, recomendado que consulte o site para ter acesso, em tempo real, à informação relativa ao estado das ligações fluviais entre Lisboa e a Margem Sul.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT