Na cidade

Mata de Vilar vai ter o primeiro trilho florestal inclusivo de Portugal

Ainda não está totalmente aberta ao público, mas já pode visitar a Mata com grupos e em eventos organizados, sob pedido.
Mata de Vilar em Lousada.

Numa paisagem marcada pela flora diversa, que inclui carvalhos, cerejeiras bravas, sobreiros e faias — e na qual é habitual ver uma série de animais, como os recém-chegados esquilos vermelhos — está a nascer o primeiro trilho inclusivo de Portugal, “acessível a pessoas com vários tipos de deficiência e mobilidade reduzida”. O anúncio foi feito pela Câmara Municipal de Lousada, vila em que se encontra a Mata de Vilar, responsável por acolher a iniciativa.

O novo percurso, que vai ter uma extensão aproximada de 800 metros, junta-se assim aos quatro trilhos já existentes nesta área de 14 hectares, com tamanhos e graus de dificuldade variáveis. Será complementado com estruturas de apoio aos visitantes, nomeadamente uma mesa interpretativa sensorial e outros instrumentos de estimulação sensorial e de orientação.

Em breve, também um aplicativo para smartphones estará disponível e serão implementados pontos de acesso Wifi e postos de carregamento alimentados por energia solar, adiantou a autarquia. O acesso à rede de Internet vai ter, igualmente, a função de auxiliar a gestão e monitorização da Mata, permitindo a recolha e carregamento de dados em tempo real, ajudando ainda a realização de atividades pedagógicas, científicas e de ciência cidadã”.

Tudo isto sem descurar “as obras de conservação de elementos arquitetónicos com interesse histórico e cultural, designadamente os caleiros originais calcetados que ladeiam alguns trilhos. Estes vão ser recuperados numa extensão de aproximadamente 300 metros, mantendo a sua traça original, dos finais do século XIX, bem como a funcionalidade de condução das águas pluviais”.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT