Na cidade

Missão Continente promove campanha para a maior recolha de alimentos de sempre

"Todos por Todos" é a campanha que vai mobilizar o País inteiro na ajuda às famílias portuguesas que mais precisam.
Este ano há mais razões para ajudar.

Ao longo dos últimos meses, como aconteceu em tantos outros países, Portugal viveu tempos de exceção. À medida que a pandemia do novo coronavírus começou a afetar cada vez mais as famílias e as suas economias, a capacidade de entreajuda e as ações solidárias dos portugueses foram-se multiplicando pelo País.

Com o Natal a aproximar-se, o sentimento de solidariedade acentua-se ainda mais. Esta é uma época mágica que este ano terá certamente de ser celebrada de forma diferente — e pode haver quem não tenha a possibilidade de ver quem mais gosta ou comprar os bens essenciais que precisa. Desde março, os pedidos de ajudas de famílias vulneráveis à Cruz Vermelha Portuguesa aumentaram 40 por cento. O Instituto de Segurança Social (ISS) também confirmou que já recebeu mais de 32 mil pedidos de apoio a pessoas ou famílias em situação de pobreza extrema. 

A situação está, de facto, muito difícil. Mas nada nos impede de continuar a apoiar campanhas solidárias e esperar por um futuro melhor. A mais recente chegou esta sexta-feira, 13 de novembro — Dia Mundial da Generosidade — e chama-se “Todos por Todos”. Esta é uma iniciativa da Missão Continente, que este ano quer mobilizar todo o País para a maior recolha de alimentos de que há memória.

Assim, até ao final do ano, a Missão Continente promove uma recolha de alimentos essenciais (como leite, atum, azeite, massa, entre outros) para ajudar as famílias portuguesas que mais precisam, que serão distribuídos pela Rede de Emergência Alimentar e pela Cruz Vermelha Portuguesa. Ao contrário das recolhas tradicionais, nesta campanha o cliente pode adquirir vales alimentares solidários, disponíveis nas lojas Continente e Meu Super.

Se não puder ir a uma loja perto de si, pode contribuir através de chamadas para o número de telefone 761 10 07 07 (1€ + IVA) ou através de transferência por MBWAY (93 707 07 07) ou transferência bancária (IBAN PT50 0010 0000 5892 0750 0019 2). Além do contributo dos portugueses, a Missão Continente compromete-se a adicionar 150 toneladas de alimentos para doação.

A imagem da campanha.

A campanha “Todos Por Todos” contribui ainda para o apoio à comunidade artística e cultural: na compra de vales até ao dia 27 de dezembro, habilita-se a ganhar bilhetes duplos para assistir a concertos de bandas e artistas nacionais.

A Missão Continente convidou 12 nomes conhecidos do panorama musical português para atuar em várias localidades de norte a sul do País, apoiando e promovendo assim a cultura portuguesa e a atividade artística, setor profundamente afetado pela pandemia.

Além disso, fará uma doação adicional de 10 toneladas de bens alimentares à União Audiovisual, uma entidade criada para apoiar os técnicos responsáveis pelo som, vídeo e imagem dos espetáculos, e que ajuda atualmente cerca de 250 famílias a nível nacional.

Este artigo foi escrito em parceria com o Continente.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT