Na cidade

O parque temático do gin no Alentejo vai ter uma maravilhosa Vila de Natal

Dos criadores do primeiro local do género no mundo, vem aí a primeira Vila Natal do montado alentejano — e promete.
O espaço da Vila do Gin está agora decorado para o Natal.

É um parque temático dedicado ao gin, mas é também uma destilaria, uma quinta pedagógica, um espaço com atividades para explorar — um mundo à parte. E, nas próximas semanas, uma vila de Natal, decorada a preceito e dedicada à quadra mais mágica do ano. 

Dos criadores de a Vila do Gin, vai chegar a Vila Nova de Santo André a “primeira Vila Natal do montado alentejano”.

Segundo informações prestadas à NiT pela Destilaria Black Pig — a produtora do gin mais premiado da Europa (Gin Black Pig) e criadora do campo de diversões com o nome da bebida destilada — a 27 de novembro nasce no mesmo local a Vila Natal, o primeiro ano da iniciativa no mesmo espaço da Costa Alentejana. E os responsáveis não o fazem por menos: “Esperemos receber milhares de pessoas nesta quadra, entre 27 de novembro e 26 de dezembro de 2021”, conta-nos Filipe Silva, da comunicação da empresa que dinamiza o conceito.

“Este ano, com a chegada do Natal iremos organizar uma comunidade natalícia com o intuito de proporcionar aos nossos clientes uma experiência mágica. Será a primeira Vila Natal no Montado Alentejano”, adianta a mesma fonte.

Para os responsáveis da Vila do Gin, depois da criação do parque temático no final do verão, faz todo o sentido para a Destilaria Black Pig Alentejo criar esta instalação alusiva à época, reforçando o trabalho que tem vindo a ser feito no sentido de atrair novos hóspedes. E, “sendo os miúdos o futuro, esta vila natal é criada a pensar neles e nas suas famílias”, garantem.

Um espaço para todas as idades no Alentejo.

Na prática, a Vila Natal é um espaço integrado no recinto da Black Pig —Vila do Gin, mas alusivo à época festiva. Quer isto dizer que, para começar, todo o local será decorado com os adereços e a iluminações tradicionais desta altura.

O conceito passa depois por transformar o montado com elementos que ajudam a criar um ambiente mágico, como se quer: com animações, um presépio vivo integrado na Quinta Black Pig, onde os animais são figura de destaque e um marco de correio para enviar as cartas ao Pai Natal, entre outras atividades.

A Vila do Gin acolhe diversos de bichos de raças autóctones portuguesas e espécies cinegéticas. O safari de Natal será uma das maiores atrações: pretende trazer à memória a emoção de andar de trenó com o famoso velhinho de barbas brancas.

As guloseimas e as bebidas também não irão faltar, bem como um pequeno mercado. O espaço contará com ainda com “profissionais de excelência na área da animação com anos de experiência” em eventos do género.

Tal como acontece habitualmente com a entrada no parque de gin, o acesso à Vila Natal é gratuito, adianta Filipe Silva. Algumas atividades serão pagas como, por exemplo, o gin safari que vai transformar-se no trenó safari.

Ainda segundo o responsável, “o objetivo da Vila Natal passa por presentear o Montado Alentejano com cor, luz e emoção. A decoração é natalícia e todas as atividades e dinâmicas serão viradas para a quadra.”

A NiT já lhe contou tudo sobre o primeiro parque temático de gin do mundo, inaugurado em setembro deste ano. Miguel Nunes, produtor da bebida, tornou o seu sonho realidade ao criar este empreendimento em Vila Nova de Santo André (no concelho de Santiago do Cacém).

O espaço acolhe outro dos projetos do criador: uma destilaria. “O parque temático avançou porque a nossa destilaria está inserida numa herdade de 15 hectares”, explicou aquando da inauguração Miguel Nunes, em conversa com a NiT.

O local é ideal para todos os amantes desta bebida — onde podem descobrir todo o processo do gin até chegar à garrafa. Uma das ofertas é o Trilho do Gin, onde os participantes são levados a percorrer uma rota de 2,5 quilómetros ao longo da herdade. Pelo caminho, encontram “os botânicos que estão na génese do gin”. Para os menos entendidos no assunto, são as plantas e os vegetais que proporcionam os diferentes aromas à bebida destilada.

Na Vila do Gin também é possível fazer uma visita guiada pela destilaria da Black Pig já galardoada internacionalmente: “O ano passado vencemos a medalha de ouro no World Gin Awards, o campeonato do mundo”, orgulha-se Miguel Nunes.

Muitas das atrações do local já estavam na enorme propriedade aquando da sua criação. A quinta pedagógica, por exemplo, tem sido um sucesso entre os miúdos. Ao contrário de muitas outras, esta não restringe os animais a um espaço confinado. “Todo o trilho está envolto numa área — que é mais um parque de conservação da natureza — onde temos um conjunto de espécies autóctones portuguesas e algumas espécies cinegéticas, como os veados. Durante o trilho, é possível entrar em contacto com todos estes animais”, explica.

O habitual safari, que agora será um “trenó de Natal”.

A parte favorita das crianças é, no entanto, o Gin Safari. É bastante semelhante ao Trilho do Gin, mas com uma diferença: o meio de transporte. Na atração, os miúdos e os adultos descobrem os botânicos e os animais que vivem na propriedade à boleia de uma garrafa de gin gigante que é puxada por um trator.

Aos fins de semana, os seres mitológicos da floresta saem dos seus esconderijos para realizar um espetáculo único para todos os visitantes. “Combinamos os finais de cada dia com uma cerimónia de entrega dos botânicos. Fazemos a recriação de uma destilação através de um espetáculo de fogo”, descreve o responsável. A pensar novamente nos mais novos, estes seres muitas vezes híbridos fazem uma entrega destas plantas, para que os miúdos possam levar consigo o “coração” do gin.

Para os adultos, as atividades são um pouco mais práticas. Durante a visita, é possível participarem numa espécie de workshop que ensina a preparar o gin tónico perfeito em casa. Podem também passar pelo showroom, onde podem fazer a degustação de vários gins da Black Pig, bem como de outros cocktails onde esta bebida é, claro, o destaque. Podem-se provar também as tapas que o espaço oferece, se quiser trincar qualquer coisa.

A entrada na Vila do Gin é gratuita, mas algumas atrações, mesmo fora da Vila Natal, são pagas. A visita à destilaria, por exemplo, tem o preço de 5€. Já o showroom custa 37€ (para duas pessoas). 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

Novos talentos

AGENDA NiT