Na cidade

Passes Navegante passam a incluir bicicletas Gira em 2022

Os passes de transportes públicos usados pelos lisboetas vão passar a incluir as mais de 800 bicicletas do serviço.
Para melhorar a micromobilidade.

A partir do próximo ano, a rede de bicicletas da Câmara Municipal de Lisboa (CML) passará a integrar o passe Navegante. A notícia foi avançada no início do mês pelo presidente da EMEL, que adiantou esta sexta-feira, 17 de setembro, ao jornal “Público“, mais detalhes.

Os passes de transportes públicos usados pelos lisboetas, sejam na mensalidade de 30€ ou 40€, vão passar a incluir as mais de 800 bicicletas clássicas e elétricas do serviço Gira, que já contam com cerca de uma centena de estações pela cidade. A medida deverá entrar em vigor no primeiro trimestre de 2022.

A medida pretende promover a micromobilidade dentro da capital portuguesa, onde as bicicletas e trotinetes elétricas da Bolt também já funcionavam, desde julho deste ano, em associação com os Transportes Metropolitanos de Lisboa. Por mais 15€ por mês, os utilizadores podem usufruir de 20 minutos diários nestes veículos.

Entretanto, a mesma publicação adiantou que já estão a decorrer conversações sobre alargar a rede Gira aos concelhos da Amadora, Loures, Odivelas e Oeiras.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT