Na cidade

Porto terá menos 12% de autocarros a partir da próxima semana

A STCP vai reduzir a oferta devido ao novo confinamento. Porém, no dia das eleições presidenciais tudo voltará ao normal.
Haverá alterações.

A Sociedade de Transportes Colectivos do Porto (STCP) irá reduzir a oferta dos autocarros a partir da próxima segunda-feira, dia 18 de janeiro. A diminuição em cerca de 12 por cento deve-se ao novo confinamento que começou esta sexta-feira.

De relembrar que a operação dos elétricos históricos já se encontra suspensa. A operadora, citada pela “TVI24”, afirmou que nos próximos dois fins de semana a oferta se mantém de forma habitual — com a atual redução de serviço a partir das 13 horas em nove linhas (207, 208, 209, 304, 403, 503, 707, 900 e ZC).

Porém, no domingo, 24 de janeiro, haverá uma exceção por ser o dia das eleições presidenciais. A STCP irá funcionar com o horário de “domingos e feriados”, mantendo “a oferta a 100 por cento em todas as 69 linhas de autocarro, de modo a responder às necessidades dos seus clientes e de, assim, auxiliar os seus passageiros na livre deslocação para exercício do direito ao voto”.

As linhas 1, 18 e 22, as três de elétrico do Porto, foram suspensas esta sexta-feira, 15 de janeiro. De acordo com a empresa, existem percursos de autocarro que servem essas zonas da cidade.

Esta sexta-feira foi precisamente o dia com mais mortes por Covid-19 em Portugal desde o início da pandemia. Foram registados 10.663 casos de Covid-19 e 159 mortes nas últimas 24 horas.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT