Na cidade

Portugal vai ter uma Rota do Gelo (não, não é na Serra da Estrela)

Trata-se de uma colaboração entre as autarquias de Cadaval e Castanheira de Pera. Ambas têm um passado ligado à produção de gelo.
É uma parte menos conhecida da história do País.

Em Portugal não se produzem apenas vinhos ou cortiça. Na verdade, o País tem uma longa história ligada à produção do gelo, e o ponto principal desta atividade está na Quinta da Serra, em Montejunto. É para promover este mesmo passado que os municípios do Cadaval e de Castanheira de Pêra, neste arranque de ano, assinaram um protocolo para a criação da Rota do Gelo.

A história remonta ao século XVIII e, segundo o documento à qual a “Lusa” teve acesso, citado pelo “Expresso”, os municípios vão revelar a “história em comum relativa ao fabrico do gelo” nas serras de Montejunto e da Lousã. No Cadaval vai poder conhecer a Fábrica da Neve, reedificada a 31 de janeiro de 1782. Desde 1997 que está classificada como Monumento Nacional.

Já em Castanheira de Pêra encontram-se os Poços da Neve, as estruturas onde era armazenado, e que existe desde 1757. “A Fábrica do Gelo do Cadaval e os Poços da Neve de Castanheira de Pêra representam, assim, marcos patrimonionais de uma herança histórica comum relacionada com a produção, armazenamento e distribuição de gelo”, lê-se no protocolo.

As Câmaras têm outro objetivo: atrair novos visitantes aos territórios envolvidos, através da oferta de um produto cultural e turístico de qualidade, a partir da valorização e divulgação deste património com características únicas”. Ainda não é conhecida qualquer data de inauguração deste projeto de ambas as autarquias.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT