Na cidade

Preços das casas subiram mais de 10% em Lisboa e no Porto

Desde 2018 que os valores não aumentam tanto nas duas cidades. Na capital a subida foi ligeiramente superior.
No Porto foram vendidas mais 25 por cento de casas do que em 2020.

Os preços das casas aumentaram em Portugal como já não se via desde 2018. Os dados mais recentes da Confidencial Imobiliário relativos ao ano de 2021 indicam que em Lisboa os valores subiram 11,7 por cento. Já no Porto a subida foi ligeiramente menor — 10,3 por cento.

Segundo o comunicado da Confidencial Imobiliário, aqui citado pela “TSF”, em 2018 a variação da subida em relação ao ano anterior tinha sido de 16 por cento. “A subida registada em 2021 inverte a tendência de desaceleração dos últimos quatro anos, que culminou numa valorização anual de apenas três por cento em 2020”.

No primeiro trimestre de 2021 a tendência mantinha-se de ligeira descida, mas tal foi invertido depois da segunda metade do ano, quando já não se verificava um confinamento geral no País como aconteceu nos primeiros meses desse ano.

“Registou-se em 2021 um preço médio de venda das casas na capital de 3.973 euros por metro quadrado, um patamar recorde para o mercado”. Segundo o mesmo comunicado, em Lisboa, durante o último ano, foram vendidas mais de 15.700 casas, um registo que ficou 20 por cento acima do verificado em 2020.

Já no Porto a subida também reflete os valores do final de 2021. “Nos primeiros seis meses de 2021, as variações em cadeia foram bastante menos expressivas, especialmente no primeiro trimestre, quando o confinamento geral estabilizou os preços, atingindo-se uma variação trimestral de apenas 0,6 por cento.”

Os preços atingiram um novo recorde na cidade com a média a situar-se nos 2.687 euros por metro quadrado. Foram ainda vendidas mais 25 por cento de casas do que em 2020.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT