Na cidade

Programa Arrábida Sem Carros está de volta com um reforço dos transportes públicos

A partir de 10 de junho, a circulação de automóveis entre os parques de estacionamento das praias da Figueirinha e Creiro é proibida.
Tome nota.

O verão está mesmo aí à porta e os dias de maior calor convidam os setubalenses — e não só — a apanhar sol nas melhores praias do País. Como tem sido habitual nos últimos anos, a época balnear obriga a um conjunto de regras de acesso às praias. 

A Câmara Municipal de Setúbal aprovou, na quarta-feira, dia 6 de abril, o programa que define as regras deste ano, com um reforço significativo de transportes público para garantir segurança e maior comodidade aos utentes. Com o programa “Arrábida Sem Carros e em Segurança 2022” é adotado um conjunto de medidas de prevenção, caso existam situações de emergência e socorro, e de melhoria das condições ambientais e de segurança. 

Uma delas é a proibição diária da circulação de automóveis, nos dois sentidos, das 7 às 20 horas, entre os parques de estacionamento das praias da Figueirinha e do Creiro, a partir de 10 de junho e até 18 de setembro. A circulação rodoviária no acesso à Praia da Albarquel está igualmente vedada.

Como a New in Setúbal já tinha anunciado, o novo serviço de transporte público rodoviário arranca no concelho a 1 de junho. A entrada em operação da Carris Metropolitana e a utilização do passe Navegante no acesso às praias permitem assegurar maior frequência, comodidade e qualidade no acesso às zonas balneares.

Há, portanto, um reforço considerável na oferta de autocarros, comparativamente a anos anteriores. O serviço público de transportes rodoviários definido para as praias setubalenses é assegurado por uma frota de autocarros totalmente nova e elétrica, com zero emissões de gases para a atmosfera.

A carreira que faz o transporte de passageiros para as praias do concelho (4423 Praia do Creiro — Setúbal) tem uma frequência regular de 30 em 30 minutos. No período da manhã, das 7 horas às 9h30, e à tarde, entre as 17 horas e as 19h30, o horário é reforçado e há uma frequência de 15 minutos. Esta carreira faz paragens nas avenidas 5 de Outubro e Luísa Todi, Praia de Albarquel, Comenda, Secil e praias da Figueirinha e de Galapinhos.

A carreira 4424, que liga a Praia da Figueirinha ao Centro Comercial Alegro, também tem uma frequência de meia hora, a partir das 9h20 até às 19h50. No caso da carreira 4425 (Praia de Albarquel — Circular), os autocarros passam de 20 em 20 minutos, com o reforço de uma segunda circulação a todas as horas, entre as 9 e as 19 horas.

Devido à baixa procura registada em anos anteriores da carreira 4426 (Brejos de Azeitão — Praia do Creiro), existem apenas duas partidas diárias, a partir da Rua José Afonso, às 8h30 e 13h30, e duas saídas do Creiro, às 13h30 e 19h30. A linha faz paragens em Brejos de Azeitão e Vila Nogueira, Aldeia Rica, Oleiros, Aldeia de Irmãos, Alambre e Casais da Serra. 

A carreira 4453 (Praias Arrábida — Circular) garante as ligações entre o Outão e as praias da Figueirinha, Galapinhos e Creiro, com uma frequência de 30 em 30 minutos, das 8h30 às 19h30.

A circulação nos troços com restrição de trânsito é autorizada a veículos de duas rodas, trotinetes, viaturas portadoras de dístico de residente, transportes públicos regulares, táxis e similares, autoridade e viaturas de emergência. 

A estratégia de mobilidade para as praias do concelho encontra-se alinhada com o Projeto PLAAC — Arrábida (Planos Locais de Adaptação às Alterações Climáticas), sendo que o condicionamento do acesso automóvel particular e o privilegiar dos acessos às praias por via do transporte público coletivo é uma medida importante de adaptação às alterações climáticas.

O Passe Navegante pode ser utilizado em todas as carreiras de transportes públicos para as praias do concelho e também é possível a aquisição de bilhetes a bordo, assim  como o serviço de carregamentos de Zapping, com tarifas mais reduzidas. A tarifa Zapping consiste num título de transporte pré-pago, que pode ser usado para quaisquer viagens em transporte público ocasional na Área Metropolitana de Lisboa, pelo carregamento nos cartões VIVA.

Em comunicado, a autarquia sublinha ainda “que a aposta na utilização do transporte público apenas é possível com a disciplina da circulação viária em transporte individual e, em particular, do estacionamento nas bermas”.

Para reforçar a necessidade de combater o estacionamento abusivo, o município estabelece o aumento de sinalização rodoviária, designadamente de proibição de estacionamento. No que diz respeito aos parques de estacionamento, está disponível o da Praia da Figueirinha, com capacidade para 240 lugares. O custo é variável e depende do dia da semana e da época: baixa de 1 a 30 de junho e de 1 a 30 de setembro e alta de 1 de julho a 31 de agosto.

Já ao Parque do Creiro, gerido numa colaboração entre o município e a Associação da Baía de Setúbal, aplica-se a tarifa de ocupação diária de 4, estabelecida pelo Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas. Quanto ao parqueamento automóvel do Portinho da Arrábida, o estacionamento é exclusivo a residentes e operadores de atividades económicas permanentes. O parque de estacionamento da Secil encontra-se encerrado durante a presente época balnear.

A “Estratégia Municipal para uma Mobilidade Segura e Sustentável para todos nas zonas balneares de Setúbal — Época Balnear 2022” contempla ainda ações de promoção dos modos suaves no acesso às praias, com a disponibilização de trotinetas e bicicletas partilhadas para Albarquel, Figueirinha e Portinho da Arrábida. Estará igualmente disponível uma solução de transportes alternativos de acesso às praias por TUK-TUK, mediante a atribuição de licenças de operação.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT