Na cidade

Roda gigante, sardinhas e música pimba: os Santos em Santos estão de volta

A festa só termina a 13 de junho, segunda-feira. Quim Barreiros, Toy e Rosinha vão animar as noites na capital.
Chegaram as noites de festa. Foto: Freguesia de Estrela.

Ainda não estamos em junho, mas Lisboa já começou a festejar os Santos Populares, depois de dois anos sem bailaricos ao ar livre e o cheiro das sardinhas assadas na rua. Desde o dia 13 de maio, sexta-feira, que o Terrapleno de Santos se enche de música e festa.

Os Santos em Santos estão de volta à capital e pode aproveitar as noites cheias de diversão e música popular portuguesa até ao dia 13 de junho, segunda-feira. “A boa tradição lisboeta no que diz respeito a sardinha assada, caldo verde e farturas também está assegurada”, anuncia a Junta de Freguesia de Estrela, que convida toda a comunidade a dar um passinho de dança no Terrapleno de Santos.

Como não há Santos Populares sem música pimba, a próxima sexta-feira, dia 27 de maio, está reservada para Quim Barreiros. O setubalense Toy vai cantar e dançar a noite toda no dia 3 de junho, sexta-feira, e Rosinha sobe ao palco no dia 9 de junho, quinta-feira. 

À semelhança do que aconteceu na Feira de Inverno, em janeiro, o recinto conta ainda com carrosséis, carrinhos de choque e uma roda gigante para ver a festa no topo de tudo.

O recinto está aberto todos os dias, das 14 horas às 2 da manhã nos dias úteis. Aos sábados, domingos e feriados, a festa começa mais cedo, com as portas a abrir ao meio-dia. No dia 12 de junho, domingo, o horário será alargado até às 4 horas da manhã.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT