Na cidade

A Route 66 portuguesa tem um novo marco em Aljustrel

Para publicitar esta rota turística, a autarquia destacou-a numa das rotundas.
Mais um motivo para fazer a N2

Para sublinhar a passagem da N2 por Aljustrel e chamar mais turistas à região, o município alentejano decidiu fazer um marco evocativo numa das suas rotundas, que dá entrada para a vila.

A assinalar o quilómetro 619 está agora uma obra feita pelo escultor João Daniel que replica um dos famosos marcos espalhados por toda a estrada. Ao mesmo tempo está também associada a frase “Nada nesta paisagem é intempestivo, tudo é surpreendente”, de Paulo Moura, autor do livro “Longe do Mar”, que fala também sobre esta estrada.

Cada vez mais na moda, a N2 tem atraído mais e mais turistas que gostam de percorrer os seus mais de 700 quilómetros, numa rota que vai de Chaves a Faro. No ano em que se celebram os 75 anos da sua construção, Aljustrel aproveita para assinalar assim a passagem da N2 pelo concelho e divulgar turisticamente a sua cultura, património e gastronomia.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT