Na cidade

Visitámos o Magical Garden que mudou a noite do Jardim Botânico — vale mesmo a pena

A instalação do Atelier OCubo criou um mundo novo de luzes, sons, videomapping e dinossauros. Tudo em segurança.
É mesmo incrível.

Todos precisamos de sair em família e de fazer programas diferentes, mas neste momento — com a situação pandémica cada vez mais complicada —, já só queremos duas coisas: que estes programas sejam seguros e que valham mesmo a pena. Depois do anúncio de que o Jardim Botânico Tropical iria receber um festival de luzes noturno, criado pelo já famoso atelier OCubo, a NiT quis saber se esta proposta cumpria os dois requisitos. A resposta para ambas é um inequívoco sim.

Um dos espaços mais icónicos de Lisboa, que esteve fechado para reabilitação, abriu renovado no início deste ano marcado pela pandemia. Mas vai fechar 2020 com uma experiência única e mágica. Desde o passado dia 1 de outubro e até 15 de novembro, o Jardim Botânico Tropical, em Belém, iluminou-se e ficou como nunca o viu: Magical Garden é a proposta d’ OCubo, responsável pelo Festival Lumina Cascais e pelo videomapping do Carmo, entre outras maravilhas da luz. Aqui, o atelier criou um percurso noturno de um quilómetro com mais de 20 experiências de luz, ambientes sonoros, projeções de vídeomapping e até um mundo de dinossauros iluminados.

No jardim de sete hectares na zona de Belém, junto ao Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa, encontra um mundo imersivo e interativo que o levam numa volta ao planeta, tanto geográfica como temporal, através de um percurso onde se reforça o contacto do público com a botânica e a natureza, sempre com o objetivo de uma experiência sensorial noturna.

Este jardim mágico acontece ao longo de um trajeto que evidencia algumas das espécies botânicas tropicais do jardim e surpreende o visitante com várias instalações luminosas. Trata-se do primeiro evento do género em Portugal e inclui mais de 300 lanternas e milhares de lâmpadas LED, bem como hologramas, esculturas de luz ou até mesmo experiências interativas.

Ao longo do caminho, pontuado por vários ambientes sonoros temáticos, vemos dinossauros e vários animais selvagens luminosos, como elefantes, tigres ou leopardos. Há imagens de pessoas, recriações de cenas, estátuas, famílias, coretos, meninas a espreitar dinossauros — tudo em esculturas com luz, tudo lindo.

É ainda projetado na fachada do Palácio dos Condes da Calheta um espetáculo de vídeomapping, no qual é revelado conteúdo sobre as espécies do herbário deste jardim.

Quanto à segurança, o esforço da organização é grande e bem conseguido. Há bastante afluência, sim, mas conte com controlo das entradas, distanciamento, álcool gel, monitores que o ajudam a seguir o percurso e a entender a viagem pelos países e épocas. Tudo sem toque, mesmo a interatividade. Tudo com máscara, mesmo ao ar livre. 

O Magical Garden pode ser visto até 15 de novembro, de quinta-feira a domingo (incluindo feriados e vésperas de feriados). Durante o mês de outubro, as sessões realizam-se das 19 às 23 horas e em novembro, das 18 às 23 horas.

À quinta-feira, o preço dos bilhetes é de 15€ e, de sexta a domingo, de 17,5€. Os “packs família” oscilam entre os 36€ (dois adultos e um criança) e os 49,5€ (dois adultos e duas crianças). Os bilhetes de preço reduzido, destinados a crianças dos 4 aos 11 anos, seniores com mais de 65 anos, estudantes e residentes na área metropolitana de Lisboa, variam entre os 12€ e os 14,5€. Há ainda valores específicos para grupos. Os miúdos até aos três anos não pagam.

Os bilhetes podem ser adquiridos online ou na bilheteira no local do evento, sendo recomendado que a compra seja online.

Recorde-se que o Jardim Botânico reabriu a 25 de janeiro desde ano, num fim de semana de festa. Com a primavera à porta e antes da pandemia chegar à Europa, prometia-se, depois de obras e reabilitação, um novo local para descobrir na cidade de Lisboa: o renovado Jardim Botânico Tropical. Acabou por não ser um bom ano de regresso mas, agora, fecha-o com este evento único.

Carregue na galeria para conhecer melhor este Magical Garden.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm
Novos talentos

AGENDA NiT