Na cidade

Wikinight: a app que tem todos os bares, discotecas e eventos da noite em Portugal

Através desta plataforma pode registar-se nas guest lists, ter acesso a promoções, agregar o certificado digital covid-19 e pagar tudo aquilo que consome ao longo da noite.
Uma preciosa aliada das próximas noitadas.

Depois de mais de um ano e meio de portas fechadas, o Governo português deu finalmente, no primeiro dia de outubro, luz verde para os espaços de diversão noturna (com isto, entenda-se, as discotecas) reabrirem. Com um público sedento de se divertir, bares, casinos, discotecas e outros eventos noturnos voltam a poder receber os clientes, mas para isso é agora obrigatório que mostrem, à entrada, um certificado digital que comprove que estão vacinados ou que tenham feito recentemente um teste, cujo resultado seja negativo. 

Para dar uma ajuda, é aqui que entra a Wikinight: a plataforma que guia e gere online toda a informação sobre vida noturna em Portugal. Surgiu, em 2017, como resposta a uma necessidade que Francisco Azevedo Coutinho, de 25 anos, e os seus amigos sentiram estar em falta no mercado. Afinal, não havia nenhum website que fosse capaz de reunir tudo aquilo que se passava na noite das cidades portuguesas e, devido a isso, as pessoas não tinham como pesquisar onde pudessem sair à noite, quais os eventos que estavam a decorrer, entre outras coisas.

“Na verdade, esta foi uma forma de criar uma solução a uma necessidade que nós próprios sentíamos. Quando vi que existia esse espaço no mercado, criei a startup Wikinight. Agarrei a oportunidade e até hoje nunca mais a larguei”, começa por explicar à NiT o jovem empreendedor Francisco Azevedo Coutinho. 

“Em 2018, com a vinda do WebSummit a Portugal, e em parceria com a NightSummit, que leva os participantes dos vários países até à vida noturna em Lisboa, lançamos o primeiro protótipo, com o primeiro QR code para discotecas do país. Em 2019, antes do início da pandemia, 100 estabelecimentos de diversão noturna já eram parceiros Wikinight e hoje conta com mais de com mais de 80.000 utilizadores registados e mais de dez mil parceiros espalhados por todo o país”, revelou em conversa com a NiT.

Entre as parcerias com grandes nomes da atividade noturna em Portugal, podem ser encontrados o Hype, K Urban Beach e MOME, em Lisboa; o Grupo Eskada, no Porto; BLISS Vilamoura, no Algarve; Cool Disco e 4ever Clube, em Aveiro; Ex Libris, na Covilhã e o Seven Club, em Torres Vedras. Até agora, os parceiros espalham-se de norte a sul de Portugal, mas brevemente, contam à NiT, a Wikinight tem planos para chegar às ilhas.

Uma coisa é certa: vai facilitar (muito) a vida.

Esta plataforma, que existe em forma de site e de aplicação para o telemóvel não tem muito que saber no que toca ao seu funcionamento. “É bastante intuitiva e basta criar uma conta, totalmente gratuita, para ter acesso a toda a informação acerca da vida noturna” que está “dividida por várias categorias de forma a facilitar a pesquisa”, esclarece Francisco Azevedo Coutinho. Por exemplo, ao aceder ao site ou à app basta procurar por “bares românticos” ou “bares com happy hour” ou “bares com música ao vivo” para ficar a saber onde se vai divertir com os amigos naquela noite.

Além disso, a Wikinight dispõe ainda da possibilidade de ser possível fazer-se o registo nas tão ambicionadas “guest lists”. Fica assim mais fácil — e à distância somente de um clique — de ter o nome na lista que antigamente só era possível através do conhecido “passa-palavra” e que, verdade seja dita, era muitas vezes difícil de conseguir. 

Com a pandemia (e após um investimento de 100 mil euros no projeto), a plataforma teve necessidade de se adaptar aos novos tempos. Mas tudo com o objetivo de continuar a facilitar a vida noturna a que a gosta de aproveitar e de estar sempre a par do se passa na sua cidade ou nalguma que esteja a pensar em visitar. Isto sem que haja, de facto, grandes preocupações.

“É agora possível agregar o certificado digital ao QR code gerado da guest list para garantir a entrada rápida (sem aglomerados) e sem contacto físico entre o staff e os visitantes. Além disso, dá também acesso a ofertas e promoções exclusivas em vários espaços e eventos parceiros, e permite realizar todos os pagamentos necessários ao longo do processo de forma virtual, desde a pré-reserva ao pagamento de consumos através de MB Way ou Multibanco”, conta à NiT o responsável por este projeto pioneiro.

Wikinight ganhou o seu nome de uma inspiração que chega do idioma havaiano, “wiki”, que significa extremamente rápido, bem como é utilizado como diminuitivo de wikipedia: uma enciclopédia online. “Somos a enciclopédia da noite”, remata Francisco Azevedo Coutinho.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT