Turismos Rurais e Hotéis

Aos 21 anos, Margarida já realizou o sonho de uma vida: abriu um alojamento de luxo

O desejo surgiu quando tinha apenas 17 e ainda estudava turismo. Conseguiu concretizá-lo na cidade onde nasceu.
Tem 21 anos.

Poucos jovens conseguem delinear o rumo profissional que gostariam de seguir, sem se desviarem do caminho traçado. Margarida Sá é um desses raros exemplos. Aos 17 anos já ambicionava abrir o seu próprio empreendimento turístico. Quatro anos depois, concretizou o sonho. A 24 de abril inaugurou o Lux’Otel City Lodge, na cidade onde nasceu.

Margarida é natural de Barcelos, mas mudou-se para Viana do Castelo quando frequentava o sexto ano. O fascínio pelo turismo surgiu precisamente quando vivia na cidade atlântica e intensificou-se quando decidiu tirar um curso profissional na área.

“Já tinha algum interesse, mas era um universo que conhecia mal. Nunca pensei gostar tanto. Os professores investiram muito na nossa formação: participamos em eventos, fizémos estágios. Comecei a ficar cada vez mais entusiasmada”, conta à NiT a jovem de 21 anos.

Em casa, revelou que gostaria de ter o seu próprio projeto de turismo. Na altura, tinha apenas 17, mas já sabia exatamente o pretendia fazer no futuro. O pai, proprietário de uma empresa de construção, “estava dentro deste tipo de assuntos” e sempre se predispôs a ajudar a filha a cumprir o sonho. 

Antes de concluir o curso, já andava à procura da localização ideal. “Começámos os dois a ver com calma, até porque para mim ainda era um projeto algo distante”, recorda. A pesquisa começou em Viana do Castelo.

“Apesar de ter muita procura, também já uma oferta significativa, muitos alojamentos e hotéis. Então, como sou de Barcelos, decidimos apostar na cidade”, confessa. Margarida queria “algo com linhas mais modernas, mas algo rústico”, características ainda pouco comuns na localidade.

Encontrou o edifício perfeito na Rua Madalena, bem no centro da cidade,   “Antigamente era uma casa apalaçada, com vários andares. Recentemente tinha tido um restaurante no piso térreo, o Paraíso”, conta.

Quando as obras arrancaram, em 2019, muitos pensaram que o espaço de restauração voltaria a abrir, mas não podiam estar mais enganados. No edifício com cinco pisos (dois deles subterrâneos), estava a nascer o primeiro alojamento de Margarida Sá, à qual deu o nome Lux’Otel, por ter “linhas mais modernas e luxuosas”.

Os maiores desafios, confessa, surgiram durante o processo de reconstrução, mesmo com o apoio do pai. “Antes do turismo propriamente dito, há muito para tratar e resolver, como as burocracias, as licenças. Como adicionámos um elevador, também tivemos de cumprir imensos requisitos relacionados com a segurança. Foi toda uma experiência”, admite.

Na altura, houve quem lhe dissesse que era “muito nova”, mas Margarida nunca duvidou da sua capacidade de criar um conceito diferente. “Queria que as pessoas viessem conhecer não só a cidade, mas o próprio empreendimento. Por isso, decidi apostar em quartos diferenciados, alguns com camas redondas, outros com banheiras de hidromassagem. E também mantivemos as paredes em pedra para manter alguma rusticidade”, explica. 

O Lux’Otel conta com nove quartos, no total. O destaque vai para a suite deluxe, com uma cama redonda e uma banheira de hidromassagem a dois passos. A área da receção inclui sofás e uma sala de estar “acolhedora”. 

Embora não seja um hotel, oferece as mesmas comodidades, como o pequeno-almoço buffet servido todas as manhãs. O empreendimento dispõe ainda de um jardim exterior, perfeito para os dias de calor.

Com o sonho concretizado, o entusiasmo de Margarida não esmoreceu. “O feedback tem sido incrível”, confessa. “O que mais me apaixona é a reação das pessoas. Adoro quando dizem que se sentem como num hotel, quando destacam os pormenores que pensávamos que iriam passar despercebidos, e, acima de tudo, por manifestarem interesse pela minha história”, admite.

Os preços da estadia começam nos 70€ por noite (em quarto duplo) e podem chegar aos 150€ (nos quartos familiares e com banheira de hidromassagem). As reservas podem ser feitas online.

Carregue na galeria para ver mais imagens do novo alojamento de Barcelos.

 

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Rua da Madalena
    4750-315 Barcelos
ESTILO
alojamento local
PREÇO MÉDIO
Entre 100€ e 200€
AMBIENTE
urbano

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT