Turismos Rurais e Hotéis

Com saída da lista verde do Reino Unido, hotéis recebem cancelamentos em “catadupa”

A partir de terça-feira, Portugal passa para a lista amarela, o que obriga os turistas britânicos a uma quarentena de dez dias.
Já houve imensos cancelamentos.

Aquilo que era a grande esperança para o setor do turismo em Portugal deu um passo atrás: o Reino Unido retirou o nosso País da lista verde e a partir de terça-feira, 8 de junho, passa para a amarela, o que obriga os turistas britânicos a realizarem uma quarentena de dez dias depois de aterrarem em Portugal.

Os resultados foram imediatos, garantiu o presidente da Associação de Hotéis de Portugal, Raul Martins, ao “Dinheiro Vivo”. A decisão provocou “cancelamentos de reservas em catadupa”, sobretudo no Algarve, onde “a situação é dramática”. “O nosso representante na região está a acompanhar a situação e diz que está a ser dramático.”

Raul Martins admite que é uma decisão que “vai afetar muito o turismo nacional, porque os britânicos são uma percentagem muito grande de turistas na região e nas próximas três semanas vamos ter perdas muito elevadas, em especial no Algarve”. “A perspetiva é muito má, voltámos agora, não à estaca zero, mas à estaca um”, acrescenta.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT