Turismos Rurais e Hotéis

Craveiral Farmhouse oferece estadias gratuitas a quem chegar de comboio

O turismo rural alentejano segue um conceito baseado na sustentabilidade. Agora, lançou um desafio aos hóspedes: deixem o carro em casa.
É mesmo verdade.

Sempre que decidimos passar uns dias de férias “cá dentro”, normalmente, optamos por viajar de carro até ao destino. Porém, desta vez, o melhor é escolher outro meio de transporte. É esse o desafio proposto pelo Craveiral Farmhouse, um turismo rural perto da Zambujeira do Mar com um conceito baseado no slow living e na sustentabilidade.

O alojamento está a oferecer até duas noites de estadia (com pequeno-almoço incluído), consoante a disponibilidade, a todos os hóspedes que optem por viajar de comboio. Quando chegar à estação de Saboia-Santa Clara, terá um veículo 100 por cento elétrico à sua espera para o levar até “ao pequeno paraíso” entre a serra e o mar.

“Somos um hotel que se baseia muito na sustentabilidade, em todos os nossos espaços. Queremos promover esta ideia de que não é preciso andar sempre com um carro, que podem fazer esta caminhada sustentável connosco”, explicam à NiT.

Desta forma, podem viajar de forma ecológica e confortável, sem se preocupar onde estacionar o carro ou se vai apanhar muito trânsito pelo caminho. E mais: têm a oportunidade de dormir gratuitamente numa das 38 casas do Craveiral.

Para usufruir desta campanha, os hóspedes só precisam de apresentar o comprovativo do bilhete à chegada. A oferta é válida até 31 de maio de 2024, mediante disponibilidade, e destina-se a contribuir para a promoção da mobilidade sustentável. Para ter esta surpresa especial, só precisa de enviar e-mail para ola@nullcraveiral.pt.

A história do turismo rural

Aberto desde 2018, a Craveiral Farmhouse é a solução perfeita para fugir das rotinas que nos amarram todos os dias. Todo o projeto foi pensado para representar as origens e raízes portuguesas, desde a aposta em designers nacionais e materiais ecológicos, ao conceito da horta aberta para que os hóspedes possam recolher alimentos fresco e biológico.

Apesar de estar a construir uma carreira como advogado em Lisboa, Pedro Franca Pinto tinha sonhos maiores para as próximas gerações. No fundo, queria construir um espaço com impacto positivo no mundo à sua volta, valorizando uma relação simbiótica com a natureza. 

Em 2018, trocou o escritório na capital pela aventura de abrir um turismo rural no Alentejo, no distrito de Beja. E mergulhou na indústria da hospitalidade — que até então desconhecia — com paixão e curiosidade.

“Acreditamos que passar uns dias no Craveiral é um regresso às nossas memórias de infância e uma partilha com as gerações seguintes. O contacto com a horta, o pomar, as galinhas, a natureza, a gastronomia que parece a horta no prato. O andar de bicicleta, o volteio a cavalo, o som trator a fazer o seu trabalho… Enfim, é um sentimento de liberdade com o conforto da vida moderna, em que também podemos fazer uma massagem ou ter uma aula de ioga. Ou simplesmente relaxar nas piscinas”, conta o fundador de 45 anos.

Por aqui, os hóspedes encontram nove hectares de ar puro e relaxamento total. No fundo, é o ambiente perfeito para uma escapadinha. Existem três piscinas — uma delas interior —, um restaurante com produtos da horta e comida orgânica, um centro de interpretação da natureza e um pomar. Além de tudo isto, é possível ter aulas de surf ou dar passeios a cavalo.

O restaurante com o verdadeiro conceito “da horta para a mesa” torna a experiência ainda mais especial. Todos os menus chegam da horta do Craveiral, ou de fornecedores locais com produtos de origem nacional. E é ali mesmo que se produz o próprio pão, kombuchas, fermentados, manteiga, compotas e até granolas.

Consoante as épocas, o espaço promove ainda diferentes workshops e até sessões de cinema. E até os pets são bem-vindos, o que ajuda a explicar porque é que o Craveiral é tão popular entre as famílias.

Carregue na galeria para ver mais imagens deste turismo rural no Alentejo.  

ver galeria

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Craveiral Farmhouse- E.M. 501 Km 4, São Teotónio,
    7630-658 Odemira
ESTILO
hotel rural
PREÇO MÉDIO
Mais de 200€
AMBIENTE
familiar

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT