Turismos Rurais e Hotéis

Há uma cabana na Comporta que lhe permite ir à praia com o seu cão sem sair de casa

A Casa do Colmo tem areia por todo o lado, mal coloca os pés fora de casa. Na cabana, reina a plenitude e conforto.
Os animais pagam 25€ por noite.

Mariana, Lígia e Hélder cresceram a brincar nas praias de Tróia e Setúbal. Agora, decidiram proporcionar a mesma experiência para os seus hóspedes através da Casa do Colmo, que lhes permite pisar a areia da Comporta, apesar de estar a 15 minutos de distância.

Sim, leu bem. Apesar de não estar situada na praia, o exterior da cabana é totalmente revestida por areia, com uma piscina e espreguiçadeiras, permitindo que se sinta como numa praia privativa na pequena Vila da Carrasqueira, em Setúbal: “Decidimos manter o solo que naquela zona é arenoso, dado que se encontra na bacia do estuário do Sado. Foi uma coincidência feliz: aproveitar a sensação de praia sem sair de casa e sem interferir no ambiente que a rodeia”, conta à PiT uma das fundadoras, Mariana Pires.

Esta não foi a única coincidência que a vida lhes trouxe. A primeira foi terem-se cruzado pelo caminho e que a infância os levasse ao mesmo local. Mariana, 30 anos, e Lígia Fernandes, 37, são irmãs, Helder Batista, 45, namorava uma delas. Os verões consecutivos que passaram juntos e os momentos que viveram acabaram por formar o que, para o trio, é muito mais do que um negócio: “As amizades, a comida e a sensação do sol a estalar na pele fizeram-nos procurar este refúgio de regresso às origens, especialmente depois dos nossos pais terem vendido a casa de então”, explica a co-fundadora.

Em 2017, decidiram partilhar esse “refúgio” com outros, dando as boas-vindas à Casa do Colmo. Tem capacidade para duas pessoas e está decorada de uma forma simplista e semelhante à plenitude de uma cabana de praia. O branco reveste as paredes e os móveis, e a madeira está presente no teto e em diversos cantos da casa.

É composta por um quarto com uma cama de casal, uma casa-de-banho, uma cozinha, e uma sala de estar com televisão, indicada para momentos de descanso. Além disso, podem incluir uma cama para o terceiro e quarto hóspede e uma cama de bebé, por um preço de 30€ cada.

A estadia fica ainda melhor quando se adicionam animais à mistura. Nem sempre foram pet friendly, mas as experiências positivas com outros hóspedes abriram-lhe novos horizontes: “Tendo animais de estimação, sabemos que a grande maioria dos donos que decidem viajar com os seus animais são, por norma, extremamente respeitadores e responsáveis”, esclarece Mariana.

O custo dos animais por noite é de apenas 25€ e dão toda a liberdade (com bom senso) aos “pais” de animais, não impondo restrições ao peso e tamanho. Já na capacidade, permitem a entrada de um animal, “se bem que dois animais pequenos cabem sem problemas”.

O único pedido é que os hóspedes tenham atenção aos dejetos dos seus patudos: “Pedimos sempre um cuidado redobrado para não deixar os animais fazer as necessidades no jardim, especialmente por ser de areia”.

Quando pensar em levar o seu animal até à praia, saiba que tem uma opção ainda melhor junto da Casa do Colmo. Uma reunião entre conforto, maresia e tranquilidade, com um toque de areia à mistura.

Carregue na galeria para ver algumas características da Casa do Colmo.

 

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT