Turismos Rurais e Hotéis

Neste pacífico alojamento os hóspedes dormem rodeados por um milhão de abelhas

No teto existe uma colmeia artificial com várias abelhas, que oferecem o som de fundo ideal para adormecer.
Vai ficar num campo de oliveiras e tranquilidade.

São adoradas por uns, e odiadas por outros, mas a verdade é que as abelhas são uma parte essencial à nossa existência, pelo menos tal como a conhecemos atualmente. É graças a estes insetos que podemos consumir muitos dos alimentos que adoramos, pois desempenham um papel fundamental na polinização de muitas espécies. Apesar da sua importância, encontram-se em risco, devido à poluição e ao uso de pesticidas. A 20 de maio celebrou-se o Dia Mundial da Abelha, e foi a altura ideal para que a Airbnb revelasse o seu novo alojamento, onde vivem mais de um milhão destes insetos.

O responsável pelo edifício singular é Rocco Filomeno, um apicultor italiano que decidiu construir o espaço na sua quinta na idílica aldeia de Grottole, no sul do país. “Este é o único sítio no mundo onde pode dormir imerso no som e aromas característicos das abelhas, passando por uma ‘terapia de abelhas’ de forma autêntica e natural”, comenta o proprietário.

Filomeno teve a ideia de construir uma casa semelhante a uma colmeia como forma de chamar à atenção para as abelhas que estão cada vez mais ameaçadas. Juntou-se a uma organização não governamental, a Wonder Grottole, e, com a ajuda de 25 voluntários locais e uma angariação de fundos no valor de 16 mil euros, construiu o alojamento e materializou o seu sonho.

Está inserido na tranquilidade de um campo de oliveiras e conta com nove apiários onde reside o tal milhão de abelhas. É um edíficio bastante modesto, apenas com espaço para, no máximo, duas pessoas.

A estadia é, na verdade, uma experiência de aprendizagem. Assim que chegam, o apicultor dá uma curta lição aos hóspedes sobre como conviver pacificamente em comunidade com as abelhas. Para que os turistas se sintam ainda mais próximos dos insetos, decidiram inserir uma colmeia artificial no teto, que servirá como som de fundo para adormecerem. O pequeno-almoço inclui ricotta, morangos, biscoitos caseiros e mel.

Como lá chegar

O aeroporto mais próximo da aldeia de Grottole é o da cidade de Bari, que fica a cerca de 90 quilómetros. Pode encontrar voos com partida de Lisboa desde 219€. Após chegar ao aeroporto, pode apanhar o autocarro da linha 352 que, após três horas de viagem, pára na aldeia.

Uma noite para duas pessoas nesta casa de madeira custa 150€. Carregue na galeria para conhecer melhor o alojamento.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT