Turismos Rurais e Hotéis

Os Airbnb mais desejados pelos portugueses para dormirem este verão

Apesar de serem diferentes, ficam todos no meio de deslumbrantes espaços verdes. E bem longe das cidades.
Ficam todas no meio da natureza.

Um novo ano significa sempre que vêm aí novas viagens. E mais um verão é sinónimo de riscarmos vários destinos da bucket list que temos vindo a atualizar ao longo dos meses. Durante esta época, acabamos por privilegiar zonas mais rurais e quentes, onde o campo se estende por quilómetros e as praias tornam-se no espaço perfeito para passarmos tardes a apanhar banhos de sol. Antigamente, navegávamos durante horas em sites de reservas de hotéis. Agora, estes são substituídos por alojamentos locais cada vez mais originais. Muitos deles estão agrupados numa única plataforma: o Airbnb.

Por ali, encontramos casas insólitas em forma de batatas e OVNI, mas também encontramos alojamentos deslumbrantes. Recentemente, a NiT falou-lhe de uma villa no Douro que foi elogiada pela revista “Condé Nast”, graças às paisagens tranquilas que oferecia. Desta vez, trazemos-lhe as casas mais adicionadas à wishlist dos portugueses durante o primeiro trimestre de 2022, e que prometem ser um sucesso durante o verão. São bastante diferentes umas das outras, mas há algo que as aproxima: todas ficam inseridas no meio da natureza.

Uma das opções é uma cabana tão rústica quanto moderna que se ergue à mesma altura da copa das árvores que a rodeiam. Um alojamento pequeno, mas que oferece vistas imperdíveis. Ali encontra tudo o que precisa, como uma enorme cama, casa de banho, banheira de hidromassagem e paredes em cortiça — algo que não se vê todos os dias. Ao descer, tem um percurso que pode percorrer até chegar à piscina. Fica na pequena vila de Raiva, em Castelo de Paiva. A estadia mínima é de duas noites, que acabam por custar, no total, 176€. É uma opção perfeita para quem quer estar próximo à natureza.

Esta não é, contudo, a única estadia onde estará a alguns metros do chão. No Gerês encontra um pequeno espaço criado especialmente para que possa inspirar toda a beleza e o ar puro da região, com vista para o rio que ali flui. A casa em si é bastante básica, sendo apenas um retângulo. No entanto, pintaram-na de vermelho, o que lhe dá um aspeto mais vivo e cria um enorme contraste com o cenário. Também esta opção o obriga a ficar alojado durante duas noites (o que, sinceramente, não será sacrifício algum). Cada uma das noites tem um custo de 102€. As taxas de limpeza e de serviço já estão incluídas neste valor.

Há muitos outros alojamentos que já conquistaram os portugueses em 2022. Carregue na galeria para os conhecer e vá tirando algumas ideias para as suas próximas férias.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT