Turismos Rurais e Hotéis

Q.R. Casas do Campo: o alojamento familiar fundado por um criador de cavalos lusitanos

O agroturismo tem uma escola de equitação, quinta pedagógica, horta biológica e até um campo de ténis.
O exterior.

“Tinha tantas ideias de abrir um agroturismo como ir a pé para a China”. Ao longo dos 67 anos de vida, António Ferreira (ainda) não se aventurou a ir a pé até ao país asiático, mas abriu recentemente um empreendimento turístico em Santarém, a cidade onde nasceu.

Apaixonado assumido pela natureza e pelo campo, desde pequeno que vive rodeado de animais: o pai, Joaquim Ferreira, era equitador e um nome de referência no setor. Por influência do progenitor, mesmo quando cresceu não conseguiu largar estes animais e tornou-se criador de cavalos Puro-Sangue Lusitano e de Retriever Labrador.

Quando o pai morreu, aos 43 anos, António foi obrigado “a seguir uma outra vida”. Trabalhou na área de restauração, criou a cadeia de lojas “Casas do Agricultor” — inaugurou a primeira em 1989, mas sem nunca deixar os cavalos de lado.

“Quando tinha 26 anos viemos para este espaço, que funcionou como casa de habitação. Depois fui comprando terrenos e anexos ao lado”, conta à NiT. António e Rosa Ferreira viram crescer aqui as duas filhas, Inês e Mafalda, que, assim como o pai, adoram estar perto do campo e junto dos animais. 

O amor pelo campo, o contacto com a natureza, a paixão pelo mundo equestre e todos os momentos que viveram em família impulsionaram a criação de um turismo rural, onde os hóspedes pudessem acompanhar, conhecer e participar nas atividades agrícolas.

Assim, o projeto da Q.R. Casas de Campo, também conhecida na região como Quinta das Rolas, surgiu em 2017 e, cinco anos depois, estava finalmente pronto para começar a receber hóspedes. “Quando, às sete da manhã, acordava para ir tratar dos cavalos, a primeira coisa que aparecia eram rolas. Queria dar o nome de Quinta das Rolas ao agroturismo mas, como esse nome já estava registado, ficaram apenas as iniciais”, revela o criador de cavalos.

É na pacata localidade do Alto do Vale, Vale de Santarém, que está instalada a pequena aldeia Q.R Agroturismo, um espaço pensado no público que procura um maior contacto com o campo e com os animais, num ambiente familiar e tranquilo. Preocupados em manter um sistema equilibrado, estável e autossuficiente, o empreendimento utiliza painéis solares e preserva a flora natural da região nas zonas de lazer.

A propriedade é composta por oito casas independentes — seis T1 (desde 125€) e duas T2 (desde 145€) — divididas por quartos, casa de banho privativa, e sala de estar com kitchenette equipada. As acomodações são de construção rústica, mantendo as características envolventes do espaço e em harmonia com todo o conceito equestre.

“As casas têm todas cores diferentes e os nomes de cada uma são em homenagem aos cavalos que nasceram na quinta, que foram nove. Por isso cada casa tem o nome de um cavalo”, destaca o proprietário. Pode ficar hospedado, por exemplo, no Ibérico, na Zarpa, no Hacarom, na Jeropiga ou na Bezerra.

Juntamente com o projeto de agroturismo, nasceu também a Escola de Equitação Q.R, que faz parte da propriedade. Como a paixão pelo mundo equestre lhe foi passada pelo pai, decidiu homenageá-lo e deu o nome de Joaquim Ferreira ao Picadeiro, onde são dadas as aulas.

Neste momento, existem 20 cavalos na escola de equitação, que pode ser frequentada por todos, quer sejam pessoas alojadas nas casas ou não. Os hóspedes podem visitá-los sempre que quiserem, mas para andar a cavalo é necessário marcar com 24 horas de antecedência. Num ambiente familiar, tanto os pais como os filhos podem entrar neste universo e fazer o batismo de cavalo ou simplesmente ajudar nos cuidados dos Puro-Sangue Lusitanos, com o apoio da equipa.

Como os cavalos puro lusitanos são animais muito calmos e com um nível de treino muito avançado, a escola de equitação também disponibiliza um serviço de equitação com fins terapêuticos: a hipoterapia. Aqui, o uso da atividade equestre é usado com a finalidade de reeducação psicomotora e ajuda na reabilitação do paciente,tanto a nível físico ou social, através dos movimentos com o cavalo.

Além dos cavalos, na Q.R. Casas do Campo também é possível cuidar e alimentar os outros animais da quinta, como os ovelhas, coelhos e galinhas, colher os ovos das galinhas, participar nos trabalhos da horta biológica ou simplesmente passear pelos campos, até porque existe um percurso pedestre de 2500 metros na área do alojamento. A propriedade conta ainda com uma piscina exterior e um campo de ténis.

De seguida, carregue na galeria para conhecer melhor a Q.R. Casas do Campo e os seus animais. 

ver galeria

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Rua Capitão Salgueiro Maia, Beco do Alto do Vale N.º 9
    2005-400 Santarém
ESTILO
turismo rural
PREÇO MÉDIO
Entre 100€ e 200€
AMBIENTE
rural

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT