Viagens

2019 foi o ano em que os portugueses mais viajaram na última década

No ano pré-pandemia, atingiram-se máximos em dez anos. Espanha e França foram destinos favoritos.
No ano passado, era assim.

Que 2020 será um ano negro para as viagens — bem como para outros setores da economia — já ninguém duvida. Mas o que não se sabia até agora era exatamente o impacto que este segmento tinha tido na vida dos portugueses, no ano que terminou.

Segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) revelados pela Lusa, 2019 foi o ano da década no qual os portugueses mais viajaram. Só as viagens ao estrangeiro subiram quase 25%, enquanto as deslocações nacionais cresceram, no ano passado, 9%. Espanha, França, Itália e Reino Unido foram os principais destinos internacionais.

Lazer, recreio ou férias foi o maior motivo para as viagens, responsável por 49,4% do total; uma “visita a familiares ou amigos” foi o motivo de 37,8% das deslocações, enquanto os motivos “profissionais ou de negócios” impulsionaram 8,2% do total de viagens.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm

AGENDA NiT