Viagens

A aldeia espanhola que vai querer conhecer nas próximas férias

Arroyo Frio fica na Andaluzia e foi eleita a povoação mais procurada para fazer turismo rural em Espanha.
É linda.

A aldeia mais procurada de Espanha em 2020 pelos amantes da natureza e do tipo de turismo rural foi uma surpresa até para os espanhóis. Arroyo Frio, em Jaén, Andaluzia, tem mais do que atributos suficientes para justificar a escolha, mas não é normalmente das mais referidas ou procuradas. Até agora.

A lista, anual, é feita pelo portal especializado, Escapada Rural. Em 2020, segundo o espanhol “20 minutos”, venceu o ranking esta população enfiada numa serra andaluza: de acordo com o jornal, Arroyo Frio fica mesmo no coração do Parque Natural das Serras de Cazorla, Segura y las Villas, a cerca de 23 quilómetros de La Iruela.

É uma zona conhecida pelo seu grande valor paisagístico, procurada sobretudo pelos amantes de caminhada, de natureza, de fauna e flora, mas não necessariamente presença habitual dos guias ou listas turísticos.

É aqui, neste enclave privilegiado que pode também aceder a locais de especial interesse do Parque Natural, como Linarejos, a sua cascata, a Puente de las Herrerías, a nascente do Guadalquivir ou o reservatório Tranco.

Quanto a Arroyo Frio (não confundir com a povoação turística com o mesmo nome que fica na República Dominicana), é uma pequena povoação de casas brancas, situada na encosta de uma colina e cercada de paisagens, bosques e cascatas. 

No site responsável pela eleição, o Escapada Rural, explica-se que “no município de La Iruela, em Jaen, no coração verde da Serra de Cazorla, Arroyo Frío é uma localidade que cresceu em grande parte devido ao interesse gerado pela oferta turística rural”. O seu acesso natural a muitos pontos da Serra de Cazorla de grande valor paisagístico, foi um dos pontos que tornou Arroyo Frío numa “referência na área”.

Além disso, frisa a plataforma, os amantes de caminhadas encontrarão nesta região caminhos para descobrir a flora e a fauna desta rica área geográfica. A opção de praticar BTT também está fortemente consolidada neste distrito, “de grande valor pela beleza das suas paisagens”. Há ainda espaço e locais para pescar, fazer canoagem e, no verão, nadar.

Para elaborar o seu ranking, o portal extraiu a lista das dez localidades mais pesquisadas no último ano de um total de 100 que, juntas, registaram mais de 885 mil pesquisas. Destas, 24 mil corresponderam ao atual vencedor, diz a “Efetur“.

Esta adianta que a população andaluza de Arroyo Frío conseguiu o feito de destronar o vencedor esperado nos últimos anos: Setenil de las Bodegas, em Cádiz, líder recorrente do trono e primeiro da lista há dois anos seguidos.

A publicação adianta que, em 2020, Setenil de las Bodegas desceu na realidade para o sexto lugar, sendo a lista dos 10 mais solicitados completa por Alcalá del Júcar (Albacete) na segunda posição e, a seguir por ordem, Valdelavilla (Soria), La Hiruela ( Madrid), Riópar (Albacete), Setenil (Cádiz), Valverde de los Arroyos (Guadalajara), Cercedilla (Madrid), Culla (Castellón) e Albarracín (Teruel).

O isolamento e sossego de toda a zona, o facto de estar fora de circuitos turísticos, parece ter sido decisivo para a escolha em ano de pandemia, como se nota pela procura recente dos seus alojamentos nas plataformas de reservas.

Para visitar Arroyo Frio, assim que a circulação for permitida e a situação pandémica estiver melhor, só precisa de ter um veículo: são cerca de 7h30 a partir de Lisboa de carro, que obviamente não tem de fazer de seguida, já que pode passar por Córdova, ou descer e ir por Sevilha, sempre com a garantia de uma road trip inesquecível por territórios maravilhosos de Portugal e de Espanha.

Quanto a alojamentos, encontra, no Booking, dezenas de variados tipos e opções, com valores a partir de 50€ já para escolhas bem interessantes. Um dos favoritos dos visitantes é no entanto o Hotel Rural Noguera de la Sierpe, com noites a partir dos 100€ e que representa tudo o que a região tem de bom: natureza, serra, paz, gastronomia — e neve no inverno.

 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT