Viagens

A floresta que inspirou o filme “O Meu Vizinho Totoro” pode ser transformada numa reserva natural

A cidade japonesa de Tokorozawa lançou uma campanha de crowdfunding para preservar a área onde existem cerca de 7 mil árvores.
A floresta tem cerca de 7000 árvores.

Poucos filmes de animação são tão adorados por públicos de diferentes idades como “O Meu Vizinho Totoro”. Lançado em 1988 pelo Studio Ghibli, o filme de animação japonês conta a história de duas irmãs que se mudam para o campo para ficar mais perto do hospital onde a mãe está internada. É lá que conhecem os Totoros, criaturas místicas e alegres que só podem ser vistas por miúdos e que proporcionaram aventuras mágicas às duas irmãs.

Apesar de toda a fantasia presente no filme, escrito e dirigido por Hayao Miyazaki, certos pormenores do mundo mágico de “O Meu Vizinho Totoro” foram inspirados em locais verdadeiros. É o caso da floresta de Kaminoyama, na cidade de Tokorozawa, localizada nos arredores de Tóquio, no Japão.

Para preservar esta área, a cidade japonesa lançou uma campanha de crowdfunding para ajudar a comprar um terreno de 3,5 hectares para criar a “Floresta do Totoro”, ao custo de cerca de 18 milhões de euros. 

“Esta área é um dos lugares que o diretor Miyazaki usou como inspiração”, disse um porta-voz da cidade à agência France Press. O objetivo é transformar a icónica floresta, onde existem cerca de sete mil árvores, numa reserva natural.

A cidade de Tokorozawa está a pedir uma contribuição de cerca de 176 euros para a reserva. Como recompensa e agradecimento, os doadores recebem placas criadas pelo estúdio de animação que criou o filme. De acordo com a agência noticiosa, as doações vão cobrir apenas uma parte dos fundos necessários para comprar o terreno.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT