Viagens

A água deste refúgio no Havai ficou rosa brilhante de forma misteriosa

O lago de Kealia Pond, na ilha de Maui, parece saído de um conto de fadas — mas não é pelos bons motivos.
Incrível.

Lagos com uma tonalidade cor-de-rosa não são uma novidade no mundo, mas nunca se tinha visto nada do género neste lago no Havai, que agora parece saído de um conto de fadas. O Refúgio Nacional de Vida Selvagem de Kealia Pond, situado na ilha de Maui, transformou-se num cenário encantador, com as águas a adquirirem uma tonalidade rosa brilhante desde o passado dia 30 de outubro.

O motivo para este fenómeno, contudo, não é assim tão mágico. Um dos poucos pântanos salgados costeiros da ilha mudou de cor devido à seca extrema, que aumentou o teor de sal no lago. As amostras de água enviadas para a Universidade do Havai apontam que as halobactérias — organismos unicelulares conhecidos por se desenvolverem em ambientes altamente salinos, como o Mar Morto — estão na origem desta nova coloração, segundo o Serviço de Pesca e Vida Selvagem dos EUA, adianta a CNN.

A bactéria é capaz de viver num ambiente extremo, onde a salinidade da água é duas vezes superior à da água do mar, como está a acontecer atualmente na lagoa de Kealia, que aumentou muito para além do normal devido à seca extrema de Maui, que está a afetar cerca de 90 por cento da região. A situação ficou ainda pior após um incêndio deixar mais de 100 mortos em Lahaina, no mês de agosto.

O rio Waikapu, que traz água das montanhas de Maui Ocidental para o lago, também passa pela área de seca extrema. A menor entrada de água doce na lagoa fez aumentar a concentração de sal, tornando-se assim um refúgio acolhedor para as halobactérias responsáveis por alterar a cor da água.

A seguir, carregue na galeria para ver as imagens do lago que ficou cor de rosa no Havaí.

 

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT