Viagens

Airbnb abre concurso internacional para viver um mês em Málaga à borla

Se sempre quis experimentar ser um nómada digital, o novo programa promovido pela plataforma é uma oportunidade rara.
Málaga chama.

Uma das muitas coisas que a pandemia nos ensinou — neste caso, a muitas entidades, empresas e trabalhadores em todo o mundo — é que o teletrabalho e o conceito de nómada digital vieram para ficar. Se há casos em que o regresso à atividade presencial já se começa a verificar, noutros, sobretudo quando falamos de trabalhadores independentes, é como se um mundo novo se tivesse aberto: aquele em que pode contribuir para a sociedade a partir de qualquer lugar, graças às novas tecnologias e à maior abertura do setor.

Nos últimos meses, têm sido vários os países e destinos que, limitados no turismo pela situação pandémica, se desdobram em iniciativas que possam fomentar a sua economia a médio e longo prazo: de várias ilhas nas Caraíbas à nossa Madeira, muitos governos e entidades apostam em criar condições e incentivos para atrair estes visitantes em teletrabalho, ou nómadas digitais.

Se sempre quis experimentar mas faltava-lhe a coragem para o fazer em modo “largar tudo e partir para o outro lado do mundo”, há agora uma oportunidade única para saber como é, afinal, trabalhar à distância — mesmo à distância, sem ser a partir de sua casa (porém não tão longe assim).

Isto porque a Airbnb, em conjunto com o Turismo Costa del Sol e o Ayuntamiento de Málaga, anunciaram um acordo de colaboração para promover estadias de longa duração nesta região, como residência temporária para nómadas digitais e trabalhadores remotos. 

E tudo isto na Andaluzia e numa região, Málaga, que muitos portugueses já conhecem e adoram pelas paisagens, parques naturais, praias por perto e animação noturna.

Na prática, para quem está a pensar mudar-se ou está a procurar uma casa temporária para trabalhar e experimentar um novo ambiente, há agora esta oportunidade. No âmbito do programa, quatro nómadas digitais poderão passar quatro semanas sem pagar num dos destinos mais desejados do sul da Europa, tendo para isso de explicar apenas aos promotores porque adorariam ir e que tipo de nómada são ou pretendem ser. 

Inspirados por este momento no tempo em que, explica fonte da Airbnb, “se impõe a flexibilidade para combinar trabalho e vida privada a partir de qualquer lugar”, as três entidades criaram a campanha Málaga WorkBay e o programa “Viva, trabalhe e conecte-se em Málaga”.

Além de promover estadias de longa duração, o concurso dará aos tais quatro sortudos vencedores a oportunidade de viver em Málaga durante um mês enquanto trabalham nos seus projetos. Os participantes aproveitarão um programa de trabalho em rede organizado pelas autoridades locais, através do qual poderão interagir com outros empresários e líderes da comunidade empresarial durante a sua estadia.

A iniciativa destina-se a quatro perfis diferentes de nómadas: famílias que queiram viver em espaços amplos e abertos, nos quais possam aproveitar da companhia dos seus entes queridos; nómadas em busca de uma vida mais calma, na qual possam combinar a cultura local enquanto desfrutam da paisagem e da natureza; urbanistas que querem absorver a agitação de uma capital dinâmica e do seu ecossistema; e simplesmente “amantes do pôr-do-sol que gostariam de realizar o seu sonho de trabalhar perto do mar”, adianta a plataforma.

Quanto ao concurso em si, para ganhar a estadia de quatro semanas com alojamento pago os interessados terão de apresentar a sua candidatura através de um formulário e escolher o tipo de anúncio que melhor se adequa ao seu estilo de vida nómada e digital. Um comité de peritos selecionados pela Costa del Sol Málaga e pelo Ayuntamiento de Málaga será responsável pela avaliação, tendo em conta as motivações pessoais de cada candidato para viver e trabalhar em Málaga durante um tempo.

Segundo as entidades envolvidas, será dado especial destaque a respostas a questões como: “Porque é que trabalhar em Málaga marcaria um antes e um depois nas suas carreiras?”; “Com quem partilharia a sua estadia e porquê?”; ou “Quem gostaria de conhecer ou contactar dentro dos sectores cultural e empresarial em Málaga?”.

As histórias mais convincentes serão escolhidas por ambas as instituições e serão recompensadas com a estadia para mergulharem no estilo de vida de Málaga. São estabelecidos quatro prémios iguais, consistindo numa estadia de quatro semanas consecutivas num alojamento anunciado na plataforma Airbnb na região de Málaga no mês de novembro. A duração da estadia é de 28 dias, no valor calculado de três mil euros cada prémio.

As candidaturas já estão abertas e assim ficarão até 12 de setembro de 2021. Os participantes serão escolhidos pelo painel de peritos selecionado pelas instituições de Málaga e pelos promotores deste programa. A sua estadia terá início a 1 de novembro de 2021 e terminará a 28. Os formulários de candidatura e toda a informação sobre o programa podem ser encontrados online. Ali está todo o regulamento, mas basicamente os candidatos devem ser maiores de idade, residir fora de Málaga e cada participante pode partilhar a sua estadia com três acompanhantes como parte do programa.

Málaga WorkBay

A campanha mais vasta na qual este programa e oportunidade se inserem, o Málaga WorkBay, dirige-se a potenciais nómadas digitais e trabalhadores remotos com destino à cidade de Málaga e às cidades e aldeias da província e da Costa del Sol. Um site de boas-vindas que já está online inclui uma lista selecionada de anúncios, alojamentos a longo prazo e experiências que ajudam os viajantes ou trabalhadores remotos a planear a sua futura estadia em Málaga.

A nova proposta visa também atrair potenciais residentes que estão a considerar instalar-se em Málaga de forma permanente no futuro, para que possam conhecer melhor este destino antes de tomarem a decisão de comprar uma casa ou de se mudarem a longo prazo

“O Ayuntamiento de Málaga está a promover o teletrabalho como forma de atrair talentos para a nossa cidade, talentos de outras partes de Espanha, de outros países da Europa e de outros países de todo o mundo. Málaga WorkBay é um projeto que ajuda qualquer pessoa interessada em trabalhar à distância a partir da nossa cidade e viver em Málaga a encontrar toda a informação disponível de que necessita. Acreditamos também que esta é a oportunidade perfeita para construir uma comunidade de teletrabalhadores que escolhem viver e trabalhar em Málaga” explica Francisco de La Torre, Alcaide de Málaga.

Por seu turno, Monica Casañas, da Airbnb. explica que as viagens estão a mudar e que muitas pessoas não estão apenas a viajar, “estão também a utilizar a Airbnb para viver”. Este programa é assim “um esforço conjunto para apoiar a cidade de Málaga e a província na sua recuperação pós pandémica e os milhares de empresas e trabalhadores que dependem da indústria turística local”, acrescenta.

Entretanto, se preferir visitar Málaga a lazer, para conhecer ou testar se vale a pena a mudança ou o concurso, há uma viagem na NiTTravel que o pode ajudar.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT