Viagens

Covid-19: uso de máscara volta a ser obrigatório em voos para o Brasil

A medida está em vigor por tempo indeterminado e surge após o aumento do número de infeções no país.
Fotografia: Lukas Souza no Unsplash.

Caso tenha alguma viagem aérea planeada de ou para o Brasil nos próximos tempos, deve saber que, a partir desta sexta-feira, 25 de novembro, o uso de máscara torna a ser obrigatório durante os voos. A utilização deste equipamento de proteção individual é também exigida enquanto circular no interior dos aeroportos daquele país.

“Diante dos dados epidemiológicos atuais, que indicam aumento no número de casos de Covid-19 na população brasileira, a Diretoria Colegiada [equipa de liderança] entendeu ser necessária a retomada da obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção facial em aeroportos e aeronaves, de modo a conter a disseminação da doença na população que utiliza esses ambientes, seja para trabalho ou para locomoção”, refere a Anvisa, agência sanitária local, em nota divulgada citada pelo “Eco”.

No Twitter, a TAP alertou os passageiros para a decisão da autoridade de saúde. “Com efetividade a 25NOV22, a nova resolução da Anvisa decreta que é obrigatório o uso de máscara facial no interior dos terminais, meios de transporte e outros estabelecimentos na área aeroportuária. Deste modo, passageiros com partida ou destino a aeroportos em território brasileiro deverão ter máscara facial para este efeito”, lê-se na publicação da companhia aérea.

Vale lembrar que as regras brasileiras não permitem a utilização de máscaras de acrílico ou de plástico, com válvulas de expiração, “lenços, bandanas de pano ou qualquer outro material que não seja caracterizado como máscara de proteção de uso profissional ou de uso não profissional”, protetores faciais e máscaras de uso não profissional com apenas uma camada de proteção.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT