Viagens

Dormir em cápsulas como as dos filmes de ficção científica? Já é possível

Parecem saídas de "Alien" ou de qualquer outra produção futurista: mas são num hostel de Madrid, perfeito para visitar a capital espanhola.
Que maravilha.

“Bem vindos ao futuro: à nave do descanso”. Se é fã de filmes de ficção científica e no fundo sempre quis saber como seria dormir naquelas magníficas e avançadas cápsulas de hibernação — ou simplesmente de descanso — das naves espaciais, esta é a sua oportunidade. 

Até porque pode fazê-lo enquanto visita, conhece ou redescobre uma das cidades favoritas dos portugueses e a capital europeia mais próxima do nosso País: falamos, claro, de Madrid.

A hipótese de se sentir literalmente em “Blade Runner” ou “Star Wars” está num novo hostel, ainda por cima com custos nada exorbitantes, muito pelo contrário. Art Seven Hostel é o seu nome abre portas na capital espanhola no início de outubro, depois de largos meses a planear e aprimorar o conceito e os detalhes.

O resultado final é impressionante e absolutamente único, como é possível ver nas imagens divulgadas no Instagram do espaço. Segundo a versão espanhola da revista “Condé Nast“, este é na verdade a primeira unidade de hotel cápsula em Madrid, a chegada à cidade do conceito de alojamento nascido em Tóquio que está a ganhar rápida popularidade em todo o mundo — e que até já tem vários exemplos em Portugal.

A estreia surge logo com um potencial gigante: é incrível este hostel com cabines de ficção científica, assumidamente inspirado nos filmes mais aclamados do género.

São aliás os temas de “Blade Runner”, “Marte”, “Matrix”, “Alien” e “Guerra nas Estrelas” que dão o nome a cada um dos sete quartos do Art Seven Hostel. No total, encontra entre todos 56 cápsulas, 20 das quais duplas.

“As cápsulas são uma evolução dos beliches antigos, pois oferecem mais conforto e privacidade, já que o cliente pode ficar alheio ao que acontece no quarto. As nossas têm também um design inovador e futurista e estão equipados com carregadores USB, configurações de iluminação que podem ser alteradas, detetores de fumo, cofre, televisão e ar condicionado ”, explica Javier Vadillo, proprietário do espaço, à revista.

Segundo a mesma, o empresário, juntamento com a sua filha e outro membro da família, pretendem inaugurar o Art Seven Hostel na primeira quinzena de outubro, depois de um longo atraso imposto pela pandemia.

“As obras começaram em fevereiro de 2020, mas o alojamento está fechado há quase um ano por causa dos atrasos que a crise sanitária gerou e também do atraso na papelada necessária para abrir”, adiantou o responsável.

No Art Seven Hostel, além da experiência incrível, também os preços vão ser uma absoluta tentação: 25 euros por cápsula individual e 45€ por dupla, tudo isto no centro da cidade, a “quarteirões da Plaza Mayor”.

A data de abertura e mais contactos serão anunciados em breve nas redes sociais do espaço, que pode desde já seguir ou contactar, se tiver dúvidas.

Certo é já que, além do conceito e do detalhe das cápsulas, todo o hostel promete um ambiente futurista e um espírito jovem, inédito e ativo, voltado sempre para o mesmo tema: haverá festas, mini festivais de cinema, desafios e muito mais, garantem os responsáveis.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT