Viagens

É verão em Kiev e os ucranianos regressam à praia — mesmo em tempo de guerra

Os areais das praias da capital encheram-se, apesar da ameaça russa estar sempre por perto.
Antes da guerra, o verão em Kiev era assim

Os 34 graus convenceram os ucranianos da capital a libertarem-se dos traumatizantes três meses de guerra. Este fim de semana, por alguns momentos, foi possível esquecer a guerra nos areais das margens do rio Dniepre.

Este sábado, 11 de junho, milhares de ucranianos saíram à rua e fixaram-se nas praias fluviais a apanharem banhos de sol ou a jogarem vólei. Longe vão os tempos, portanto, do rigoroso frio do inverno e dos sons das sirenes e das bombas que colocaram em alerta a capital.

A invasão russa chegou perto de Kiev, mas as tropas de Putin acabariam por ser travadas e fazer marcha-atrás nas intenções de conquistar o coração do país.

O cenário hoje é bem diferente, pelo menos na capital, que ostenta orgulhosamente mais de 70 quilómetros de areias ao largo do principal rio. Existem dezenas de clubes de praia com música e bebidas, piscinas e espreguiçadeiras e que, anualmente, se enchem para a época balnear.

O que se viu este fim de semana, pela primeira vez este verão, é uma espécie de regresso à normalidade, ainda que a algumas centenas de quilómetros, o conflito continue a fazer centenas de vítimas todos os dias.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT